A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

26/10/2017 18:31

Chafariz e palmeiras fazem de frente de condomínio um ponto de encontro

Empreendimento terá 600 apartamentos, oito torres e quatro condomínios

Osvaldo Júnior
Chafariz colorido intensifica a beleza de frente de condomínio (Foto: Divulgação)Chafariz "colorido" intensifica a beleza de frente de condomínio (Foto: Divulgação)

Chafariz que projeta diversas cores e reaproveita a água, 400 luminárias, que funcionam com luz solar, palmeiras imperiais de 12 metros. Isso tudo forma um ambiente convidativo para encontro de amigos, familiares e namorados. Batizada de Alameda Reserva Bela Vista, a rua, privativa, é o acesso ao novo empreendimento imobiliário da construtora Plaenge em Campo Grande. Na noite desta quinta-feira (26), a alameda será entregue.

A alameda é a frente de um empreendimento, que, conforme informou o gerente regional da Plaenge, Luiz Octávio Pinho, terá quatro condomínios com oito torres e cerca de 600 apartamentos de 87 m² cada. Cada torre terá 19 andares, em que as plantas serão flexíveis.

Quanto à alameda, ele considera como um presente a Campo Grande. “Muita gente faz caminhada lá, casais namoram, há famílias que passeiam. É um lugar muito bonito, um ponto de encontro”, descreve.

Ele acrescenta que as cerca de 400 luminárias funcionam com placas fotovoltaicas, que armazenam energia de luz solar. A economia estimada é de aproximadamente R$ 6 mil por mês.

Outro diferencial sustentável é o reaproveitamento da água do chafariz, de acordo com o gerente. “Há uma palheta de cores, que deixa o local muito mais bonito. Neste mês, estamos usando o rosa no chafariz por causa do Outubro Rosa. No Natal, vamos deixar mais colorido”, detalha.

Também há dezenas de plantas de diversas espécies, entre as quais estão 23 palmeiras imperiais. “São árvores muito grandes, crescem mais de 12 metros”, informou.

No local, foram plantadas 23 palmeiras imperiais (Foto: André Bittar)No local, foram plantadas 23 palmeiras imperiais (Foto: André Bittar)

Vinícola – O projeto tem inspiração na paixão pelo vinho. “Começa pelo nome 'reserva'”, citou o gerente. Na linguagem da vinicultura, "reserva" é o termo colocado em rótulos de vinho para informar que a bebida tem qualidade superior.

Os nomes dos condomínios e torres também fazem referência ao universo do vinho. A primeira torre, já lançada, chama-se Graciano e está no condomínio Rioja. Graciano é uma casta de uva típica de Rioja, uma das regiões espanholas produtoras de vinho.

A segunda torre se chama Trempranillo, que é uma casta de uva, considerada por muitos como a melhor de todas. É um dos tipos de uva mais conhecidos da Península Ibérica.

O gerente adiantou que os demais condomínios e torres também terão nomes familiares aos apaixonados por vinho. Ele só não pôde, por questões de mercado, revelar os nomes. Tudo a seu tempo: sem pressa, tal como se produz um bom vinho. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions