A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

02/04/2012 18:21

Deputado critica corte de funcionários diante de lucro da Enersul

Fabiano Arruda
Marquinhos Trad diz que lucro da Enersul aumentou e qualidade do serviço caiu. (Foto: Arquivo)Marquinhos Trad diz que lucro da Enersul aumentou e qualidade do serviço caiu. (Foto: Arquivo)

O deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB) criticou a redução de 2.216 para 1.277 servidores terceirizados do corpo de funcionários da Enersul diante da divulgação do balanço patrimonial da concessionária, no comparativo entre 2011 e 2010, nesta segunda-feira.

Conforme o parlamentar, os números do relatório mostram que a empresa cresceu e vendeu mais, o que não traz justificativa para a redução de pessoal.

“Estão vendendo energia e em contrapartida reduziram a estrutura organizacional. Ou seja: a qualidade do serviço caiu muito. Não é à toa que eles (Enersul) são recordistas no Procon”, afirmou.

Trad diz que viaja para Brasília (DF) na madrugada para participar de julgamento no plenário da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) nesta terça-feira sobre o pedido de reajuste da Enersul e terá 20 minutos para discurso. “O aumento não pode passar de 3%”, defendeu.

O deputado ainda chamou atenção para o faturamento divulgado pela Enersul em 2011, que chegou a quase R$ 2 bilhões, além do lucro de R$ 151 milhões. “Todos os números (do relatório) apresentam aumento, menos a melhoria na qualidade do serviço”.

Em relação a crise que atinge a Celpa (Centrais Elétricas do Pará), em processo de recuperação judicial e controlada pelo grupo Rede Energia S.A, mesmo da Enersul, que pode dificultar a obtenção de capital de giro à concessionária que opera em 73 municípios de Mato Grosso do Sul, o parlamentar fez um alerta.

“Nossa preocupação maior é ficar atento para que eles (Enersul) não tirem do nosso bolso para salvar outras empresas deles”, pontuou.

O peemedebista ainda criticou as operações contras os “gatos” na rede de energia elétrica em Campo Grande. Segundo ele, as ações, que por vezes utilizam auxílio da Polícia Militar, são realizadas para “constranger e humilhar famílias” em situações irregulares.

Relatório - O balanço divulgado nesta segunda-feira pela Enersul aponta que dois dos principais índices de qualidade do serviço, na comparação entre 2011 e 2010, registraram alta, o que apontam elevação no número de reparos na rede.

O DEC (Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora) cresceu de 10,23 para 11,97 e FEC (Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora) de 7,16 para 8,34.

O número de clientes subiu de 810 mil de 2010 para 844 mil no ano passado.



O Deputado Marquinhos foi feliz em sua colocação, pois em plena deflação teremos ajuste em nossa conta de energia, e temos outra alternativa, nao temos, nos vemos de maos atadas diante desse absurdo que a Enersul coloca... Como o sábio Chico Anisio falava, e o salario Ó, uma miseria....
 
Raphael Manzoni em 03/04/2012 10:44:14
Morei no Mato Groso do Sul e minha conta de energia, não era menos que R$ 150,00, onde o consumo era basico, o chuveiro eletrico era usado la devez em quando. Hoje moro em outro Estado uso chuveiro eletrico quase todos os dias, pois o clima é mais ameno e pago metado do que pagava no Mato Grosso do Sul. A Energia do Mato Grosso do Sul é a mais cara do Brasil, sendo que Itaipu esta bem do lado.
 
Elias Fernandes em 02/04/2012 09:15:24
A notícia tava ótima até a metade, quando ele resolveu criticar as operações contra os gatos. Tem que botar a polícia no meio mesmo, por que eu, que pago a conta em dia, não uso gato, e preciso economizar, vou ficar triste com os espertinhos que violam a lei? Parece que ele esta defendendo aqueles que usam do gato, não?
 
Felipe Ribeiro em 02/04/2012 09:08:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions