A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

14/12/2011 11:16

Estreia do Santos no Mundial para torcedores e até rivais em Campo Grande

Fernando da Mata

Time da Vila Belmiro representa o Brasil no Mundial de Clubes, disputado em Toyota, no Japão

Durante o jogo, corintiano e são paulino secando o Santos; próximo a TV, santista acompanha o time do coração de perto (Foto: Simão Nogueira)Durante o jogo, corintiano e são paulino secando o Santos; próximo a TV, santista acompanha o time do coração de perto (Foto: Simão Nogueira)

Mesmo fora de casa ou em horário de expediente, alguns torcedores e amantes do futebol deram um jeito de assistir, no Centro de Campo Grande, a estreia do Santos no Mundial de Clubes, nesta quarta-feira (14).

Em uma lanchonete na Barão do Rio Branco, o comerciante e santista Apenzeler Dutra, de 63 anos, estava passando pela rua e parou para assistir a partida. Sobre o caminho para o título, Dutra não está tão otimista. “São jogos difíceis, e se a final for contra o Barcelona, vai ser mais difícil”, disse.

No mesmo estabelecimento, o vendedor Sidney Alves, de 38 anos, disse ao Campo Grande News que deu uma escapada do serviço para acompanhar parte do duelo, mesmo sendo vascaíno. “Isso é Brasil, não é Santos. Sou bem vascaíno, mas não torço contra outros times brasileiros que representem o Brasil em Mundiais”, enfatizou Alves.

No Pátio Central Shopping, mais amantes do futebol que ‘fugiram’ por instantes do serviço para ver e até agorar os Meninos da Vila.

O promotor de vendas e corintiano Carlos Eduardo Araújo, de 26 anos, foi secar o Santos, mas escapou do trabalho porque gosta de futebol. “Sempre quando tem jogo importante, dou um jeito para poder assistir”. O colega de profissão do torcedor da Fiel, Waldemir Ribeiro, 30 anos, disse que é “só para secar e agorar”.

Santistas também acompanhavam os lances na lanchonete do centro de compras. O vigilante Flávio Camargo, de 45 anos, contou que estava no Centro e ali foi o único local que achou para assistir a partida, que esperava com muita ansiedade. “Eu não dormi direito essa noite por causa do jogo, até fumei uns dois cigarros.”

Nos últimos minutos da partida, Jordy Wesley de Almeida, 16 anos, passou na lanchonete “só para dar uma olhada”. Por baixo do uniforme da farmácia onde trabalha, o jovem usava uma camisa do Santos. Será que ele estava na torcida?

O jogo - O Santos venceu o japonês Kashiwa Reysol por 3 a 1, na manhã desta quarta-feira (horário de MS), em Toyota, no Japão, e está na final do Mundial de Clubes.

Agora, o time da Vila Belmiro aguarda para ver quem será o adversário na decisão. A vaga será disputada entre Barcelona e Al-Sadd, do Catar, que jogam amanhã (15).



Infelizmente a TV aberta mais uma penalizou quase toda a população de nosso Estado. Interesses da Rede sobressairam em relação ao desejo do público. Precisamos nos adequar e tomar proporções de grandes centros, ou então ficaremos sempre como um Estado rural simplesmente.
 
Leomar Rosa em 14/12/2011 12:44:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions