A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

25/04/2015 11:14

No clima, goleiro do Comercial chama atenção pela "loucura" em Naviraí

Paulo Nonato de Souza
O goleiro Martins no treino coletivo apronto do Comercial para o primeiro jogo da final do Estadual (Foto: Marcelo Calazans/Campo Grande News)O goleiro Martins no treino coletivo apronto do Comercial para o primeiro jogo da final do Estadual (Foto: Marcelo Calazans/Campo Grande News)

Misto de admiração e reprovação. Essa foi a reação de um grupo de torcedores presentes ao treino do Comercial de Campo Grande, nesta sexta-feira, no Estádio Morenão, ao lembrar a façanha do goleiro Martins, de 21 anos, que no domingo passado se recusou a ser substituído ao levar uma forte pancada na cabeça numa dividida de bola aos 43 minutos do segundo tempo da partida semifinal diante do Navirariense.

“Dizem que todo goleiro ou é gay ou é louco. No caso do Martins acho que ele é louco”, brincou Carlos Henrique Soares. Segundo ele, sua ida ao treino comercialino foi por conta do que fez o goleiro em Naviraí. “Sem dúvida ele merece uma estatua”, comentou.

A situação do Comercial naquele momento do jogo não poderia ser mais dramática. Vencia por 3 a 2 diante de um adversário que jogava em casa e só precisava do empate para se classificar.

Mas esse não era o único drama comercialino. O treinador Gilmar Calonga já havia feito as três substituições permitidas pelo regulamento. Se tivesse aceitado entrar na ambulância para receber atendimento mais especializado no hospital, Martins teria que ser substituído por um jogador de linha e o Comercial ficaria com um jogador a menos em campo. “Eu sentia muita dor no lado esquerdo da cabeça, a visão ficou embaçada, mas achei melhor ficar em campo. Não poderia abandonar meus companheiros”, explicou Martins.

Quando o jogo recomeçou, a pressão do Navirariense só aumentou e Martins ainda fez grandes defesas. “Confesso que eu ia pra bola apenas pela intuição de treinamento porque não estava enxergando nada”, admitiu o goleiro comercialino, que garantiu a vitória por 3 a 2 e a conquista da vaga para a grande final do campeonato.

“Claro que a preocupação maior numa situação assim é a saúde, a integridade do atleta, mas seria muito complicado se o time ficasse sem ele em campo com mais 10 minutos de acréscimos pela paralisação da partida”, disse o treinador.

Segundo a diretoria do Comercial, no decorrer da semana Martins fez todos os exames necessários e nada foi constatado. Amanhã ele estará em campo para o primeiro jogo da final do Campeonato Estadual, contra o Ivinhema, às 15 horas, no Estádio Jacques da Luz, no bairro Moreninhas, em Campo Grande.

Comercial e Ivinhema começam a decidir o Estadual 2015 no domingo
A fase final do Campeonato Estadual de futebol 2015 entre Comercial de Campo Grande e Ivinhema Esporte Clube será disputada em dois jogos. O confront...
Em amistoso, craques do futebol nacional vencem time de Sidrolândia por 5 a 3
O time liderado pelo tetracampeão mundial Viola, venceu por 5 a 3 o Amigos de Sidrolândia, em amistoso realizado hoje à tarde (10), em Sidrolândia, a...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions