ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 

Jogo Aberto

Defensores do "kit covid", deputados vão levar pito

Por Gabriela Couto | 01/04/2021 06:00
Mara Caseiro, deputada do PSDB, em vídeo no qual defende o uso do "kit covid". (Foto: Reprodução das redes sociais)
Mara Caseiro, deputada do PSDB, em vídeo no qual defende o uso do "kit covid". (Foto: Reprodução das redes sociais)

“Prestenção”– Sobrou para o presidente regional do PSDB, Sérgio de Paula, a missão de dar puxão de orelha de deputados estaduais após uma sucessão de publicações incentivando o uso do “ kit covid”, com medicamentos já reprovados em todo o mundo. A chamada de atenção vai ser de forma discreta, em conversas privadas.

Defensores – Nos últimos dias, a tucana Mara Caseiro (PSDB) e Herculano Borges (Solidariedade) apareceram nas redes sociais com esse discurso. Mara disse que 8 pessoas de sua família fizeram "tratamento precoce", sem precisar de internação. Herculano publicou foto fazendo inalação com “cloroquina líquida”, nada mais do que o remédio diluído em soro fisiológico. Essa forma de uso do produto surgiu agora e não é reconhecida nem recomendada por infectologistas.

Requerimentos – Depois de votar pela aprovação do nome de Carlos Alberto de Assis na Agepan (Agência de Regulação de Serviços Públicos), o deputado Renan Contar (PSL) aproveitou para reclamar. Disse que a agência é um dos locais do governo que o gabinete dele mais solicita informações.

Elogiado – O nome de Assis foi referendado e bastante elogiado pelos deputados estaduais. A reverência veio tanto da Comissão de Constituição, Justiça e Redação, na aprovação da matéria para apreciação, quanto do plenário durante votação e aprovação.

Urgência – Mais três municípios conseguiram prorrogar o estado de Calamidade Pública por conta da pandemia da covid-19. Os parlamentares alegaram pressa para aprovação do texto por conta do feriado e inseriram duas cidades a mais na ordem de votação.

Quais -  Com votação feita em bloco, foi aprovada a prorrogação do status em Rio Verde de Mato Grosso, Jardim e Glória de Dourados. O placar foi 19 a 1 a favor da medida.

“Pet deputado” –  Depois da Câmara de Vereadores, foi a sessão da Assembleia Legislativa que teve “invasão canina” em meio aos debates. A autora dos latidos seria Chanel, cachorra do deputado Jose Carlos Barbosa (DEM).

Democracia é isso – conhecido entre os colegas por “falar demais” durante a sessão, José Almi (PT) interrompeu Carlos Alberto David (sem partido) nesta quarta-feira (31). Segundo David foi a melhor prova de democracia, “um coronel sendo barrado por um cabo ”, lembrando as patentes dos dois em tempos de Polícia Militar. Prontamente o presidente da Mesa Diretora, Paulo Corrêa disse  “essa é a nossa casa ”.

Teto – José Carlos Barbosa conseguiu assinaturas para acrescentar emenda ao projeto que regulamenta os serviços cartorários online. A princípio seria cobrado 30% do serviço tradicional, in loco, mas a proposta quer garantir o teto máximo 1 Uferms. Hoje, esse valor é de R$ 36,00.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário