A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


30/06/2015 06:00

Ex-secretário muda de partido e cidade para ser prefeito

Edivaldo Bitencourt

Candidato - Semy Ferraz, ex-secretario de Obras do prefeito cassado, Alcides Bernal, mudou de endereço e partido e pretende ser candidato a prefeito. Ele trocou Campo Grande por Paranaíba e o PT pelo PPS e se diz candidato.

Assessor - Ao contrário do que divulga, Edson Giroto (PR) não é ainda secretário-executivo do Ministério dos Transportes. Ele é um dos cinco assessores especiais do órgão. A secretaria-executiva continua sem titular.

In loco – A Comissão do Aquário do Pantanal da Assembleia Legislativa vai conferir, pessoalmente, a situação dos peixes. O objetivo é saber se há algum animal vivo depois que frio e outros fatores mataram 80% dos exemplares recolhidos para inaugurar a obra emblemática da Capital. A visita acontece a partir das 13h desta terça-feira.

São Tomé - O prefeito de Amambai, Sérgio Barbosa (PMDB), não está muito confiante com a presença da Força Nacional na região sul do estado. Ele disse, inclusive, durante reunião na Assomassul, que os agentes estavam fazendo vaquinha até para pagar lugar para dormir.

Efeito - O senador Waldemir Moka (PMDB) afirmou que os produtores rurais precisam usar, sempre, a palavra invasão. O termo é para falar do conflito com os índios. Para o peemedebista, ocupação é quando se entra em um lugar vazio. Na região sul, três áreas foram “invadidas”.

Que País é este? - A deputada Mara Caseiro (PTdoB) afirmou que tem vergonha de viver em um país sem vergonha, onde nada acontece sob o Governo do PT. Ela avalia que as ações só enfraquecem a classe produtiva.

Posse – O novo presidente da Fundação Municipal de Cultura, Marcos Roker, ainda espera pela posse oficial. Nomeado, ele espera a conclusão da reforma administrativa para ser empossado junto com os demais secretários. Como a mudança depende das forças políticas, o prefeito Gilmar Olarte (PP) não tem prazo para concluir a reforma.

Unidos – Marcos Roker assumiu e já conseguiu unir setores do meio artístico. Eles estão contra a fusão da Fundac com a Fundação Municipal de Esportes e a Secretaria Municipal da Juventude. O movimento ganha força para manter a pasta independente.

Segundo semestre – Pelo andar da carruagem, a reforma só vai ser concluída no segundo semestre deste ano. É que o prefeito aguarda a votação do pedido para criar a Comissão Processante para definir os nomes do primeiro escalão.

Candidato, quem – O PMDB descarta, por enquanto, os dois nomes favoritos para disputar a prefeitura da Capital em 2016. Marquinhos Trad está de malas prontas para deixar a sigla. André Puccinelli jura de pés juntos que não será candidato a prefeito. Neste cenário, qualquer um pode ser o candidato, segundo o senador Waldemir Moka, que também não pretende entrar na disputa.

(colaboraram Lidiane Kober, Juliana Brum e Leonardo Rocha)

PMs presos têm “festival de ações”
Conhecidos da justiça - Entre as duas dezenas de policiais militares de Mato Grosso do Sul presos esta semana por suspeita de facilitar a vida dos co...
O entrave no cadastro de pedófilos
Entrave burocrático – Autor do projeto de lei que criou o cadastro de pedófilos em Mato Grosso do Sul, o ex-deputado estadual Carlos Alberto David, d...
Assembleia agora tem 8 "independentes"
Mais uma – Depois de votar com o governo por três anos e meio, a deputada estadual Grazielle Machado(PSD) anunciou que agora será “independente”, ass...
Quórum é motivo de "gracinha" na Assembleia
Presentes! Depois de três episódios neste ano de falta de quórum para votar projetos, o tema virou até motivo de puxada de orelha em tom de brincadei...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions