A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


30/06/2015 06:00

Ex-secretário muda de partido e cidade para ser prefeito

Edivaldo Bitencourt

Candidato - Semy Ferraz, ex-secretario de Obras do prefeito cassado, Alcides Bernal, mudou de endereço e partido e pretende ser candidato a prefeito. Ele trocou Campo Grande por Paranaíba e o PT pelo PPS e se diz candidato.

Assessor - Ao contrário do que divulga, Edson Giroto (PR) não é ainda secretário-executivo do Ministério dos Transportes. Ele é um dos cinco assessores especiais do órgão. A secretaria-executiva continua sem titular.

In loco – A Comissão do Aquário do Pantanal da Assembleia Legislativa vai conferir, pessoalmente, a situação dos peixes. O objetivo é saber se há algum animal vivo depois que frio e outros fatores mataram 80% dos exemplares recolhidos para inaugurar a obra emblemática da Capital. A visita acontece a partir das 13h desta terça-feira.

São Tomé - O prefeito de Amambai, Sérgio Barbosa (PMDB), não está muito confiante com a presença da Força Nacional na região sul do estado. Ele disse, inclusive, durante reunião na Assomassul, que os agentes estavam fazendo vaquinha até para pagar lugar para dormir.

Efeito - O senador Waldemir Moka (PMDB) afirmou que os produtores rurais precisam usar, sempre, a palavra invasão. O termo é para falar do conflito com os índios. Para o peemedebista, ocupação é quando se entra em um lugar vazio. Na região sul, três áreas foram “invadidas”.

Que País é este? - A deputada Mara Caseiro (PTdoB) afirmou que tem vergonha de viver em um país sem vergonha, onde nada acontece sob o Governo do PT. Ela avalia que as ações só enfraquecem a classe produtiva.

Posse – O novo presidente da Fundação Municipal de Cultura, Marcos Roker, ainda espera pela posse oficial. Nomeado, ele espera a conclusão da reforma administrativa para ser empossado junto com os demais secretários. Como a mudança depende das forças políticas, o prefeito Gilmar Olarte (PP) não tem prazo para concluir a reforma.

Unidos – Marcos Roker assumiu e já conseguiu unir setores do meio artístico. Eles estão contra a fusão da Fundac com a Fundação Municipal de Esportes e a Secretaria Municipal da Juventude. O movimento ganha força para manter a pasta independente.

Segundo semestre – Pelo andar da carruagem, a reforma só vai ser concluída no segundo semestre deste ano. É que o prefeito aguarda a votação do pedido para criar a Comissão Processante para definir os nomes do primeiro escalão.

Candidato, quem – O PMDB descarta, por enquanto, os dois nomes favoritos para disputar a prefeitura da Capital em 2016. Marquinhos Trad está de malas prontas para deixar a sigla. André Puccinelli jura de pés juntos que não será candidato a prefeito. Neste cenário, qualquer um pode ser o candidato, segundo o senador Waldemir Moka, que também não pretende entrar na disputa.

(colaboraram Lidiane Kober, Juliana Brum e Leonardo Rocha)

2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...
Secretário torce e comemora venda da folha
Torcida - Parecia um jogo valendo título a forma como o secretário de Finanças e Planejamento de Campo Grande, Pedro Pedrossian Neto, acompanhava a a...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions