A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


04/12/2010 07:00

Orçamento de Câmara aumentou 270% em 8 anos

Jogo Aberto

Fonte de dinheiro

Para bom entendedor, os números falam por si. A proposta do vereador Elias Ishy (PT) de reduzir o duodécimo da Câmara Municipal de Dourados em R$ 2 milhões não parece, mas é modesta. O Orçamento da Casa era de R$ R$ 4,8 milhões, em 2003, e foi aumentando gradativamente até chegar aos R$ 13 milhões previstos para 2011 – um aumento de 270% em 8 anos.

Mágica

O maior salto no valor do duodécimo da Câmara aconteceu justamente após o primeiro ano de mandato do então prefeito Ari Artuzi, passando de R$ 9.297.309,99 em 2008 para R$ 12.922.112,02. Vale lembrar que a Operação Uragano revelou um esquema de pagamento de propinas em Dourados.

Abrindo a porteira

Para o advogado Benedicto Arthur de Figueiredo Neto, que impetrou o pedido de liberdade que beneficiou nove presos na Uragano, as decisões da Justiça de soltar os acusados levaram em conta mais o final da fase de instrução, com testemunhas de acusação já ouvidas, do que a renúncia do então prefeito Ari Artuzi.

Explicação

No entanto, o entendimento de outros juristas e as palavras usadas na decisão da Justiça evidenciam que o fato determinante foi mesmo a renúncia de Artuzi, descrito como “o principal personagem da operação”.

Holofote

E com a eleição extemporânea chegando, já tem gente querendo levar o crédito pela renúncia de Ari Artuzi. O presidente da Comissão Processante que apurou denúncias contra o ex-vice-prefeito Carlinhos Cantor, Walter Hora (PPS), afirmou que a comissão foi a responsável por provocar o pedido de renúncia dos envolvidos.

Desconhecido

A candidatura do presidente do diretório do PV de Dourados, Rubens Pelicano, a prefeito, na eleição extemporânea, não é unanimidade dentro do partido. Filiado há 15 anos ao PV, o advogado Eduardo Juliace, por exemplo, diz que Rubens é um ilustre desconhecido.

Nem tanto

Ele defende outro nome desconhecido até meados deste ano, o de Tatiana Ujacow, candidata a vice na chapa derrotada do ex-governador Zeca do PT. O PV está sofrendo com a falta de nomes fortes na cidade e ainda poderá abrir mão da candidatura própria.

Apagado

O deputado federal Antonio Cruz (PP), que antes das eleições já tinha uma atuação apagada no cenário político, agora poderá ter problema para se manter na mídia. Ele não foi reeleito e ainda tem a presidência do partido reivindicada pelo deputado estadual eleito, vereador Alcides Bernal.

Diversidade

Em sua cruzada em favor do casamento gay, o Padre Carlos Eduardo Calvani, da Igreja Anglicana, fez na quinta-feira uma reunião na sede do Cedampo (Centro de Documentação e Apoio aos Movimentos Populares) com a diretoria da Associação das Travestis de MS. A igreja está instalada há sete meses em Campo Grande com a chamada “Capela da Inclusão”.

Oração e troca de telefone

A reunião terminou com oração, cumprimentos fraternos e troca de telefones e endereços. A intenção é fazer intercâmbio entre igreja e Associação das Travestis principalmente em campanhas, como a de prevenção a Aids.

Já tem gente curtindo a folga de fim de ano
Fim de expediente - Enquanto o recesso parlamentar terá início no próximo fim de semana, quando algumas prefeituras também suspendem as atividades pa...
A missão espinhosa de Marun
Casa cheia - No discurso em que saudou Carlos Marun como seu novo ministro da Secretaria de Governo, Michel Temer disse ter ficado preocupado com a p...
Só praças estão presos por cobrar propina
Só praças – A investigação sobre o envolvimento de policiais militares com a “Máfia do Cigarro” indica que, por ora, não há oficiais entre os policia...
Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions