A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


02/07/2011 07:00

Lorota

Jogo Aberto

Na última semana, durante evento público, o governador André Puccinelli lembrou dos embates nas urnas na sua carreira política. A primeira disputa foi pela prefeitura de Fátima do Sul. Ele teve mais votos, mas não levou por conta das sublegendas.

Na outra eleição, saiu vitorioso, mas para o cargo de deputado estadual. Puccinelli contava todo orgulhoso que deu um "pau" no deputado Londres Machado e foi o mais votado. Na legislatura posteior o troco foi devolvido. Londres venceu, com o dobro de votos de Puccinelli.

Sobre a polêmica de disputar ou não algum cargo eletivo em 2014, o governador brinca dizendo que sempre acertou nos resultados eleitorais. Na vitória sobre o Zeca em 1996, na reeleição em 2000 e depois quando disse que seria eleito no primeiro turno em 2006. Ele afirmou que na véspera do prazo eleitoral em 2014 vai convocar um bolão sobre sua aposentadoria ou não nas urnas.

Durante a cerimônia realizada ontem, para comemoração do Dia Nacional do Bombeiro, a banda militar tocou o "Parabéns pra você" para o governador André Puccinelli (PMDB), aniversariante do dia.

Depois, ele desceu do palanque com os olhos cheios lágrimas. Antes de dar entrevista, André Puccinelli pediu um tempo para os jornalistas, avisando que não era emoção e sim uma irritação nas glândulas lacrimais.

Para justificar a importância dos cargos comissionados, os tais "de confiança", o presidente do TJ/MS, Luiz Carlos Santini, afirmou em entrevista nesta semana que nunca mostraria um voto seu, antes de ser publicado, a algum funcionário em que não confiasse.

Ele ainda garantiu que, caso fosse obrigado a ter funcionário concursado em sua sala, sem o direito de contratar só os de "confiança", colocaria a mesa do servidor no corredor, para ele nem chegar perto de informações que ele julga confidenciais. Ele destacou que tem funcionários que trabalha ao seu lado desde 1990.

O PV em Mato Grosso do Sul estaria prestes a sofrer debandada de filiados, que estariam dispostos a deixar a sigla por conta da saída de Marina Silva do diretório nacional. Como o partido já não é grande, pouca gente ficaria, como o vereador Marcelo Bluma.

As trocas de farpas no processo que vai apontar a nova diretoria da Acrissul não param. O ex-presidente da entidade, Laucídio Coelho, apoiador da chapa de oposição, cutucou Chico Maia, atual presidente e licenciado do cargo, sobre o Código Florestal.

É que Maia, num dos motes de sua campanha, diz que articulou a votação do código. Laucídio ironizou e afirmou que os “amigos” do presidente licenciado, como os deputados federais petistas Vander Loubet e Antônio Carlos Biffi, votaram contra o projeto ou nem compareceram para votar em apoio ao produtor rural.

Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...
"Nem a pau", diz Correa sobre desistir de ação contra JBS
Negativo - “Nem a pau”. Essa foi a reação do presidente da CPI da JBS, Paulo Correa (PR), à cogitação de retirar a ação contra a empresa, para preser...



Parabéns Governador Puccinelli, as estradas estão excelêntes, asim como a Educação e Saúde.
O Zeca a só tem garganta.
PT, NUNCA MAIS!
 
João Luiz em 03/07/2011 07:50:45
No dia primeiro do mês em curso completei 35 anos de serviço público. Sou servidor concursado e ocupei diversos cargos de chefia, assessoramento e direção. Sempre agi com discrição e lealdade funcional. Sempre estive a serviço da instituição e não da autoridade que momentaneamente comanda o Poder. Nunca prevariquei. É lamentável as considerações desabonadoras sobre os "servidores públicos concursados", principalmente quando ditas pela maior autoridade do Poder Judiciário de MS.
 
0scar Mendes em 03/07/2011 07:50:27
Como os próprios nomes dizem, são cargos de confiança... tanto que, perdendo a confiança ou a competência para os assuntos para os quais foi contratado, imediatamente pode ser demitido, sem justificativa ou direito celetista.
 
Christopher Pinho Ferro Scapinelli em 03/07/2011 07:32:12
Lamentável o comentário do Sr. "Presidente" do TJ/MS. Essa é a valorização que os funcionários da corte tem de seu "comandante". Em um lugar onde as vaidades se sobressaem ao direito de qualquer cidadão, não é supresa para os servidores a postura lastimável do "nobre" desembargador.
 
Edwin von Schars em 02/07/2011 10:33:26
Todos podemos prever algo com dinheirono bolso, sabemos antecipádamente quanto vamos comprar para termos certa quantia em votos. O povo de MS é fácil de se comprar, pois é um povo carente de saúde, educação e segurança, qualquer "troco" se compra.
Infelismente temos aí, uma pessoa para nos representar, que não tem respeito com o povo, não tem educação para com seus adversários politicos, só sabe ironizar e debochar de tudo que fala. É isso que o povo de MS merece, votaram por "mixaria", agora aguentem, eu quando quero algo melhor vou no Estado do PR e SP, nem se for para andar em estradas ( rodovias ) de verdade, abasteço meu carro que lá cobram menos impostos, almoço com minha familia e volto e, aproveito e faço compras, pois lá também os comerciantes não são explorados com impostos que existe aqui no MS, e os que cobram deles, tem o seu retorno em serviços públicos, diferente daqui que não temos estradas, e se alguém duvidar é só vir na região de Iguatemi e vereficar a maravilha que temos na rodovia, e nas estradas rurais. Cadê a promessa de acabar com o Fundersul? CAdê os produtores rurais para cobrar?
 
Kamél El Kadri em 02/07/2011 08:26:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions