A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

13/07/2017 06:20

Sem extravagância, festa infantil tem teatro e fez até adulto voltar à infância

A festa de aniversário foi um verdadeiro espetáculo para Beatriz, de 3 anos.

Thailla Torres
Olha só a alegria da Beatriz ao lado do grupo que fez alegria na sua festa de aniversário. (Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)Olha só a alegria da Beatriz ao lado do grupo que fez alegria na sua festa de aniversário. (Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)

Beatriz faz a família ficar encantada e compreender todo esforço da mãe Renata Ovelar Zanon, de 37 anos, que faz de tudo para transformar em alegria os dias da filha de apenas 3 anos de idade. No dia do aniversário, no lugar de uma festa sofisticada, que geralmente é mais o sonho dos pais do que dos filhos, ela decidiu faz do dia da pequena em um verdadeiro espetáculo.

Beatriz ama teatro, música, filme e já sabe cantarolar Yellow Submarine, dos Beatles. Por isso, o aniversário não podia ser diferente, bem próximo do universo artístico. A festinha é uma inspiração para quem busca comemorar de um jeito diferente.

Renata contratou o Grupo Casa, companhia teatral que nasceu em Campo Grande, para animar a festa da filha. No lugar de recreadores, foi o teatro que animou a criançada e, fez até adulto voltar a ser criança.

Mesmo habituada ao teatro, Beatriz ficou encantada.
(Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)Mesmo habituada ao teatro, Beatriz ficou encantada. (Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)

"Foi mágico, principalmente, para ela. Um brilho nos olhos que é deixar a gente radiante", comenta Renata ao lembrar do entusiasmo da filha que mesmo reconhecendo todos os atores do grupo, ficou entusiasmada com a peça.

"Ela disse: é a melhor festa que já tive na minha vida", lembra Renata. "Fiquei pensando de onde criança tira isso e fala cada coisa. Mas tenho certeza que ela se divertiu muito mais dessa maneira", completa.

A escolha de inserir o teatro na festa começou há meses tempo quando Renata mudou a rotina para cuidar de Beatriz. "Ela nasceu em 2014 e eu continuei trabalhando até 2015. E nesse tempo ela só ficava doente. Por ser mãe de primeira viagem, não tive estrutura emocional para aguentar minha filha sofrendo. Tirei ela do berçário, parei de trabalhar e comecei a me dedicar 100% a Beatriz".

Longe dos mimos, Renata tenta mostrar o mundo com bons olhos para a filha, aproximando a menina da arte e cultura. "Na minha casa tem adesivo e parede pintada por ela. É uma forma dela também se expressar. Pelo menos uma vez na semana nos damos o direito de curtir um cinema ou ir ao teatro infantil. Desde a primeira peça, Beatriz saiu encantada", lembra a mãe.

Por isso a festa foi dedicada exclusivamente aos pequenos. "Eu não quis uma festa cheia de detalhes, onde a gente larga as crianças em um pula pula e esquece do mundo. Festa infantil é um momento deles, a gente é que entra no espaço e consegue aprender junto", acredita Renata.

Beatriz ganhando presente do ator que admira. (Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)Beatriz ganhando presente do ator que admira. (Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)

Por isso até a decoração foi pensada longe da extravagância. "Fiz um almoço simples, com direito a bobó de galinha, brigadeiro, bolo e claro, brincadeiras de crianças. Coloquei cavalinho de pau, peteca, bambolê e gibis antigos comprados em sebos da cidade. Não queria uma festa só regada a saquinho de doce", afirma.

E não deu outra, as crianças ficaram encantadas e Beatriz foi só alegria. "Ela não esperava que eles (atores) fossem chegar na festa de aniversário dela. Foi um espetáculo lindo, com roteiro impecável que deixa criança e adulto vidrado. A custo benefício, é claro que sai mais barato, mas pela riqueza que esse momento proporciona, eu confesso que pagaria até mais se fosse preciso", declara.

Como sugestão para outras mães, Renata deixa dá dica para que o aniversário seja especial. "Teatro é vida. Teatro nos faz ir além do pensar. Esses dias eu assisti com Beatriz a peça 'Patinho Feio' que nos ensina que todo mundo tem seu lugar no mundo. Isso mostrou a ela um lugar especial, que pode ser muito bonito", finaliza.

Sem informar os valores, conforme o Grupo Casa, o preço varia de acordo com o espetáculo escolhido e há mais de 30 opções.

Curta o Lado B no Facebook.

 

Grupo Casa é um dos grupos teatrais que levam alegria pela cidade. (Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)Grupo Casa é um dos grupos teatrais que levam alegria pela cidade. (Foto: Raquel Ovelar Rodrigues)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.