A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

10/06/2019 13:32

“É preciso que alguém vá”, justifica senadora após R$ 20,8 mil em diárias

Senadora se defende dizendo que tem realizado “missões” na defesa das pautas do governo federal

Anahi Zurutuza
Soraya Thronicke em entrevista ao Campo Grande News no ano passado durante a campanha eleitoral (Foto: Marina Pacheco/Arquivo)Soraya Thronicke em entrevista ao Campo Grande News no ano passado durante a campanha eleitoral (Foto: Marina Pacheco/Arquivo)

Apontada como a parlamentar que mais recebeu diárias neste ano, a senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) se defende dizendo que tem realizado “missões” na defesa das pautas do governo federal. “É preciso que alguém vá. Se eu não fosse, alguém iria e os custos seriam os mesmo”, afirma sobre as viagens que renderam R$ 20,8 mil em diárias para ela.

A parlamentar reforçou o que a assessoria de imprensa já havia alegado sobre duas das cinco viagens ao exterior feitas por Soraya. “Esclareço que, na viagem à China, eu não havia tomado posse ainda e tudo foi pago pelo governo chinês. Na última, para a Alemanha, todas as despesas também foram pagas pelo governo alemão”.

A senadora ressalta que foi representar o governo em evento da ONU (Organização das Nações Unidas) em Nova York e em reunião do Mercosul em Montevidéu. Nas duas viagens, ela não ostentou a primeira classe. “Fui de classe econômica”, fez questão de observar.

Sobre a viagem para Israel, Soraya diz que o governo arcou apenas com as diárias. “Além disso, fomos no avião do presidente”.

A senadora explica que é fluente em inglês e tem facilidade para lidar com questões internacionais. “Em todas as viagens que fiz, nenhum assessor me acompanhou”.

“Reitero que não há nada de extraordinário no levantamento feito pelo jornal O Globo, em que fiquei em primeiro lugar no recebimento de diárias. Vários senadores têm valores bem próximos aos meus e, inclusive, a diferença para o segundo lugar do levantamento é de apenas R$ 200. E em relação a outros custos, os do meu gabinete não estão entre os mais altos. Isso pode ser verificado no Portal da Transparência do Senado Federal”, completou em nota enviada por meio da assessoria de imprensa.

Líder - Em cinco meses de mandato, a senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) recebeu R$ 20.835,54 em diárias. Ela lidera o ranking dos parlamentares que mais ganharam dinheiro para custear despesas básicas, como alimentação e hospedagem, em viagens oficiais, conforme levantamento feito pela coluna do jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo, com base nos dados do Portal da Transparência do Senado.

Segundo a pesquisa, o segundo lugar ficou com o senador Roberto Rocha (PSDB-MA), que recebeu R$ 20,6 mil, e em seguida vem a paraibana Daniela Ribeiro (PP), que já levou R$ 20 mil.

O levantamento baseia publicação sobre os gastos com diárias no Senado, que explodiram neste ano. Conforme o cálculo feito pela reportagem do jornal carioca, de fevereiro a maio, a Casa já pagou R$ 329 mil em diárias, aumento de 154% em relação aos R$ 129 mil desembolsados no mesmo período do ano passado e 111% mais do que os R$ 155 mil referentes aos cinco primeiros meses de 2017.

Da bancada de Mato Grosso do Sul, além de Soraya, o senador Nelsinho Trad (PSD) também ganhou diárias, R$ 14.429,40 no total. Simone Tebet (MDB) ainda não recebeu nada.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions