A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018

09/06/2010 08:13

André e Murilo conversam amanhã em Dourados sobre Senado

Redação

O governador André Puccinelli (PMDB) e o vice, Murilo Zauith (DEM), devem se encontrar amanhã, em Dourados, para discutir a desistência do democrata em disputar o Senado este ano.

Puccinelli cumpre agenda amanhã no município, que é base eleitoral de Murilo. Os compromissos começam às 8h, com assinatura de ordem de serviço para recapeamento asfáltico, construção de uma quadra poliesportiva e segunda etapa da Vila olímpica Indígena.

O governador deve aproveitar a viagem para desfazer um mal entendido com Murilo e tentar convencê-lo a disputar a corrida pelo Senado.

Ele resolver desistir da candidatura após tomar conhecimento de declaração atribuída ao governador André Puccinelli. Ele teria dito, em Três Lagoas, que serão eleitos senadores o deputado federal Waldemir Moka (PMDB) e o senador Delcídio do Amaral (PT).

"O governador me descartou da majoritária", afirmou Murilo, categoricamente. "Se ele falou, ele excluiu o BDR e o Conesul", acrescentou.

A "bola de neve" atingiu também o vice-prefeito de Campo Grande, Edil Albuquerque (PMDB), que pretendia ser suplente de Murilo.

O vice-prefeito afirma que foi enganado duas vezes pelo governador: inicialmente ao ser convidado para ser candidato a deputado estadual e novamente ao ser convidado para disputar a suplência. "Tive duas vezes a candidatura inserida e retirada sem a mínima autorização", afirmou.

Ao retornar da Bolívia, o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) deve intervir para "apagar os incêndios".

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions