A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

31/03/2009 18:56

Redação

O senador Valter Pereira (PMDB/MS) criticou nesta terça-feira a intenção do Ministério do Planalto de cortar em 47% os recursos para o Ministério da Agricultura. Ele disse que isso pode provocar queda de 30% na produção e que o momento é inoportuno, devidos aos sinais de desabastecimento de alimentos em âmbito mundial.

"Com essa notícia do corte já começamos a sentir um amargor que pode gerar grandes e perigosas frustrações à economia brasileira", afirmou. A Comissão de Agricultura e Reforma Agrária vai realizar, no próximo dia 7 de abril, uma nova audiência pública para discutir o Plano Safra para a Agricultura.

O pedido foi feito pela senadora e presidente da Confederação Nacional dos Agricultores (CNA), Kátia Abreu (DEM-TO). Em visita feita no último fim de semana a Campo Grande ela disse que, endividados, os agricultores terão dificuldades de acessar crédito e a próxima safra de grãos pode ser até 10% menor, resultando no encarecimento dos alimentos.

O evento deve reunir o vice-presidente de Crédito e o vice-presidente de Agronegócio do Banco do Brasil e também com o presidente do Banco Central. De acordo com a senadora, hoje 70% dos agricultores têm dificuldades para acessar as fontes oficiais de recursos, que respondem por um terço dos financiamentos. Já os financiamentos pelo setor privado retraíram com a crise econômica mundial.

Já o professor da Universidade de São Paulo (USP) e representante da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Guilherme Leite da Silva Dias, afirmou que a taxa de inadimplência no setor agrícola já está acima dos 10%, podendo chegar, em breve, a 15%.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions