A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

26/03/2009 19:37

Em seminário, Arroyo defende Orçamento impositivo

Redação

Presidindo um dos debates do V Seminário de Vereadores de Mato Grosso do Sul, ocorrido hoje e com término amanhã, na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Antonio Carlos Arroyo (PR) defendeu que o Orçamento público seja impositivo e não somente autorizativo, para melhor atender a população.

Arroyo disse que emendas que são apresentadas pelos deputados à LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), por exemplo, acabam não saindo do papel. Isso causa frustração aos parlamentares.

Segundo o deputado, um Orçamento impositivo garantiria melhor atendimento das necessidades da população e evitaria o contingenciamento de recursos.

O deputado criticou a centralização no Executivo das decisões quanto ao destino dos recursos públicos. Para ele, "a caneta de um, muitas vezes, fala mais alto que a vontade de muitos e isso prejudica a população".

Por esse motivo, o republicano defende uma atuação corporativista entre os legisladores, para que seja garantido o atendimento às reivindicações em prol da população.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions