A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

24/09/2016 13:40

Senador por MS, Moka é o 4º melhor parlamentar do País, aponta ranking

Site dá nota para políticos com base na participação das sessões e mentiras contadas pelos legisladores

Anahi Zurutuza
Moka diz ter ficado satisfeito com colocação (Foto: Agência Senado)Moka diz ter ficado satisfeito com colocação (Foto: Agência Senado)

O senador Waldemir Moka (PMDB) é o quarto melhor parlamentar do Brasil e terceiro melhor do Senado, segundo o site Ranking Políticos, criado por dois administradores e economistas. Eles dão notas para os políticos com base em oito critérios, que vão da presença nas sessões no Congresso ao “mentirômetro”.

Na avaliação do site, Moka tem 405 pontos por estar sempre presente nas sessões, não responder a processos na Justiça e manter os gastos do seu gabinete dentro da média. “Fiquei muito satisfeito e acredito que essas avaliações me servem de estímulo para que eu continue fazendo um bom trabalho. Eu raramente falto as sessões, procuro apresentar projetos com a melhor qualidade, participo de relatorias e comissões, acho que por isso ganhei pontos”, afirma o senador.

Moka acredita que com o trabalho de fiscalização da atividade parlamentar pela população, o Congresso só tem a ganhar. “Estimula a competitividade, que todo mundo queira melhorar”.

Dentre os senadores, Pedro Chaves (PSC) está 24º lugar com 250 pontos e Simone Tebet (PMDB) em 51º com 99 pontos.

Ranking geral (Foto: Reprodução)Ranking geral (Foto: Reprodução)
Posições dos parlamentares de MS (Foto: Reprodução)Posições dos parlamentares de MS (Foto: Reprodução)
Senador por MS, Moka é o 4º melhor parlamentar do País, aponta ranking

Geral – No ranking geral dos parlamentares, Moka está atrás dos senadores pelo Distrito Federal, José Antônio Machado Reguffe (sem partido), e por Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), além do deputado federal por Goiás, Waldir Soares de Oliveira (PR).

Ele aparece antes de nomes conhecidos como o do senador Tasso Jereissati (PSDB), que foi classificado em 10º lugar, e do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC), o 11º do ranking.

Deputados – Os deputados federais de Mato Grosso do Sul aparecem a partir da 62ª posição no ranking do Congresso Nacional, que mistura legisladores que atuam na Câmara e no Senado. No Brasil, são 513 deputados federais e 81 senadores – 594 parlamentares no total. Veja:

62ª - Dagoberto Nogueira (PDT)
83º - Elizeu Dionizio (PSDB)
124º - Tereza Cristina (PSB)
220º - Luiz Henrique Mandetta (DEM)
260º - Carlos Marun (PMDB)
436º - Zeca do PT
496º - Geraldo Resende (PSDB)
565º - Vander Loubet (PT)

Critérios e criadores – Todos os parlamentares recebem 200 pontos inicias e com base na apuração do site sobre a presença deles nas sessões, os gastos, processos na Justiça, qualidade do trabalho legislativo, o “mentirômetro”, a formação profissional e a quantidade de vezes que mudou de partido, os políticos ganham ou perdem pontos.

O deputado federal Márcio Monteiro não aparece no ranking. Segundo explica o site, os políticos “não rankeados” são os que perderam todos os 200 pontos iniciais.

Alexandre Ostrowiecki, que é formado em Administração FGV (Fundação Getúlio Vargas) e tem mestrado em Economia, e Renato Feder, que também é administrador pela FGV e mestre em Economia pela USP (Universidade de São Paulo), são os criadores do site.

Eles também são autores do livro “Carregando o Elefante”, publicado em 2007 e que analisa os principais problemas do país.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions