A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

08/04/2009 12:44

Teruel volta a criticar cobrança de taxas mínimas

Redação

O deputado estadual Pedro Teruel, líder do PT na Assembléia Legislativa, voltou a atacar nesta manhã a cobrança das taxas mínimas dos serviços públicos em Mato Grosso do Sul, como água, luz e telefonia.

"Não podemos considerar isso normal", protestou o parlamentar, citando como exemplo a água e o esgoto.

Enquanto campanhas educativas conclamam a população a economizar, o consumidor paga, no mínimo, 10 metros cúbicos de água, independente da economia ou da implementação de medidas para reduzir o desperdício.

Para o petista, a cobrança é "um absurdo". No caso da telefonia, a cobrança oscila entre R$ 40 e R$ 54.

Teruel enfatizou que consumidores de alguns bairros ficam de 15 dias até dois meses sem o serviço, mas acabam pagando o valor mínimo.

No caso da energia, ele afirmou que as gambiarras e gatos estão institucionalizados.

Isto porque a Enersul inclui na planilha o gasto com perdas comerciais de energia elétrica. Ele considerou a medida injusta.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions