A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

03/08/2012 14:54

Clima deve estender até dezembro colheita de cana-de-acúcar

Mariana Lopes
Presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho, indica os pontos positivos para o aumento na expectativa do final da safra 2012/2013 (Foto: Minamar Júnior)Presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho, indica os pontos positivos para o aumento na expectativa do final da safra 2012/2013 (Foto: Minamar Júnior)

Embora as chuvas tenham atrapalhado o início da safra 2012/2013, as condições agrícolas melhoraram e aumentou a oferta da cana para o fim do período. Diante do fato, a Biosul (Associação dos Produtores de Bioenergia de MS) fez uma reavaliação da estimativa da colheita.

Segundo o presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho, as usinas se preparam para estender o período de safra, que, na prática, encerra no final de outubro ou começo de novembro. “Mas esse ano será diferente, vamos tentar moer até dezembro”, completa.

O fato de o Brasil ter o verão chuvoso pode interferir na colheita da cana. “A estimativa de safra é a cana disponível, a gente espera moer se der tempo e enquanto a chuva deixar”, afirma Roberto Hollanda.

Na primeira estimativa para a safra 2012/2013, realizada em abril deste ano, era de que Mato Grosso do Sul moesse 37,810 milhões de toneladas, ou seja, 11,70% a mais do que a safra passada, quando foram moídas 33,8 milhões de toneladas, segundo dados da Biosul.

Com as novas condições agrícolas, a estimativa foi reavaliada e, agora, a estimativa para o final da safra é de que o Estado dê conta de moer 38,6 milhões de toneladas dos 648 mil hectares cultivados. Assim, a safra deste ano sobee 14,03% em relação à passada.

Produto-Segundo o presidente da Biosul, o açúcar deve crescer 20,92%, enquanto na primeira estimativa ele cresceria apenas 5,10%, com uma produção de 1,9 milhões de tonelada.

A expectativa é de que Mato Grosso do Sul produza 507 milhões de litros de anidro, o que representa 19,29% a mais do que a safra passada. E o etanol de 1,6 milhões de litros registrados anteriormente, deve chegar a 1,9 milhões de litros, ou seja, um aumento de 21,95%.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions