A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

21/09/2015 08:37

O que todo jovem deve fazer para garantir um futuro tranquilo?

Por Emanuel Gutierrez Steffen (*)

Existe uma máxima que diz que enquanto somos jovens, temos disposição e tempo, mas não temos dinheiro. Já quando ficamos mais velhos, o dinheiro já não é mais um problema, mas a disposição já não é a mesma.Embora existam muitas exceções (é claro) para esses casos, não podemos negar que é cada vez mais comum conhecer pessoas que julgam não poder colocar em prática suas ideias por não ter dinheiro para isso. Tenho visto muitos jovens que desistem antes mesmo de tentar colocar em prática o que pretendem fazer.A verdade é que muitos jovens não conseguem perceber que o planejamento é fundamental e que para tudo na vida é necessário um ponto inicial, sendo que por si só todo início costuma ser mais difícil.

Tempo é um recurso precioso: O que a maioria dos jovens não percebe é quanto tempo eles ainda têm pela frente; a expectativa de querer tudo rapidamente acaba por ser um componente delicado de lidar – a frustração neste sentido não deveria ser paralisante, mas é o que acaba acontecendo, e o tempo vai passando.Seria ótimo se conseguíssemos enriquecer da noite para o dia, mas a verdade é que para a imensa maioria das pessoas a história é bem diferente, por isso é muito mais inteligente abrir espaço para uma vida inteira baseada no consumo consciente e na educação financeira.Adaptando uma frase famosa, eu diria que as tacadas insanas dão fama, as constantes dão grana. De uma maneira geral, quanto mais jovem se aprende a poupar e planejar a vida, mais preparado o jovem estará durante todo o seu desenvolvimento (e mais qualidade de vida ele terá).Atenção: planejar as finanças não significa apenas abrir uma caderneta de poupança. É claro que poupar dinheiro é algo inteligente, mas quando se é jovem fica mais fácil arriscar novas abordagens, inclusive conhecendo produtos que ao longo do tempo possam apresentar rentabilidades interessante. Você já pensou em conhecer um pouco mais sobre bolsa de valores, por exemplo?

Sem arrependimentos futuros: Para garantir uma velhice tranquila, não podemos tentar seguir apenas por caminhos tortuosos. É bom se apegar a planos seguros de construção de renda e patrimônio! Mas até isso pode ser feito de maneiras diferentes daquelas que estamos acostumados.O investimento em renda fixa, por exemplo, com o atual cenário de juros altos e renda fixa oferecendo alta rentabilidade não pode ser desperdiçado.Não existe uma receita infalível! Aos poucos os jovens vão perceber que apostar em planos mirabolantes de enriquecimento rápido costuma ser um tiro no pé. A paciência, o planejamento e a capacidade de manter a disciplina são as armas indispensáveis para quem pensa em construir um futuro mais rico.

Outra decisão inteligente é não ter medo de arriscar. Eu gosto sempre de lembrar um comentário que ouvi da boca de Jorge Paulo Lemann, o homem mais rico do Brasil: “O maior risco é nunca correr riscos”.Comece a construir sua história, aposte na educação financeira e tenha uma visão de oportunidade que te leve a experimentar coisas novas. Ninguém vai enriquecer agindo sempre da mesma maneira, ou cometendo os mesmos erros.

Fonte: Ricardo Pereira/ dinheirama.com
Disclaimer – A informação contida nestes artigos, ou em qualquer outra publicação relacionada com o nome do autor, não constitui orientação direta ou indicação de produtos de investimentos. Antes de começar a operar no SFN - Sistema Financeiro Nacional o leitor deverá aprofundar seus conhecimentos, buscando auxílio de profissionais habilitados para análise de seu perfil específico. Portanto, fica o autor isento de qualquer responsabilidade pelos atos cometidos de terceiros e suas consequências.

(*) Emanuel Gutierrez Steffen, criador do portal www.mayel.com.br

Imposto sindical e o fim da sua obrigatoriedade
O “imposto sindical”, assim denominado pela CLT no atual artigo 578, é uma contribuição obrigatória devida por todos aqueles que participarem de uma ...
Baile do desespero e do improviso
Quando começo uma visita hospitalar como palhaço, experimento um puro e sincero estado de desespero. Há 16 anos faço isso com certa frequência e, fel...
Carta aberta ao ministro Joaquim Barbosa
Em nome de milhões de brasileiros e brasileiras insisto na solicitação para que concorra à Presidência da República, em 2018. Precisamos de alguém co...
Qual é a diferença entre preço e valor?
Existe uma grande confusão entre os significados de valor e preço. São duas coisas completamente distintas no mundo das negociações. Quando se fala e...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions