A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

24/10/2015 10:49

Ambulantes aproveitam provas do Enem para faturar e aumentar renda

Michel Faustino e Mariana Rodrigues
Comerciantes montam barracas em frente a locais de prova do exame. Água, chocolate e canetas são os itens mais procurados pelos candidatos. (Foto: Marcos Ermínio)Comerciantes montam barracas em frente a locais de prova do exame. Água, chocolate e canetas são os itens mais procurados pelos candidatos. (Foto: Marcos Ermínio)
Matheus diz que sempre vende bem nos dias das provas do Enem. (Foto: Marcos Ermínio)Matheus diz que sempre vende bem nos dias das provas do Enem. (Foto: Marcos Ermínio)

Durante o primeiro dia de provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), que acontece neste sábado (24), vendedores ambulantes estão aproveitando para faturar com venda de água, chocolate e canetas em frente em frente a vários locais de prova espalhados por Campo Grande.

A ambulante Patricia Kuhen, 40 anos, mantém um trailer em frente a universidade Anhanguera-Uniderp, no Bairro Miguel Couto, há 13 anos, e todo o ano abre aos fins de semana exclusivamente para o Enem.

Patricia conta que as vendas caíram muito com o passar dos anos, por conta da distribuição dos locais de provas, que antes eram concentrados em estabelecimentos de ensino maiores, como é o caso da universidade. Apesar disse, a ambulante está otimista e espera faturar ao menos 5% a mais do que o ano passado.

O vendedor Matheus Oliveira, 61 anos, diz que há vários anos monta sua “barraquinha” em frente a universidade e apesar de considerar o movimento fraco também esperar faturar mais do que o ano passado.
“A gente sempre consegue vender alguma coisinha, porque o pessoal chega com fome ou esquece caneta e assim vai saindo os produtos. Nunca falha', comenta.

Marcos Fosse também aproveitou as provas para ganhar um extra. Acompanhado da esposa e da filha ele montou uma barraca para vender água, chocolate, caneta e balas.

“Eu vou ficar aqui até o fim da prova de hoje e amanhã eu volto. Espero ganhar pelo menos uns R$200 por dia”, disse.

De forma descontraída, um m grupo de acadêmicos de medicina da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) também decidiu “entrar na onda” e garantir o dinheiro da formatura com a venda do “kit-enem”, composto por uma garrafinha de água, caneta, bombom e balas.

Acadêmicos de medicina também aproveitaram para garantir uma grana para formatura. (Foto: Marcos Ermínio)Acadêmicos de medicina também aproveitaram para garantir uma grana para formatura. (Foto: Marcos Ermínio)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions