A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

21/05/2009 09:35

Após greve, anestesistas e secretários discutem reajuste

Redação

Após colocarem fim a uma greve de 70 dias no Hospital São Julião, os anestesistas tentam acordo, com intermédio do MPF (Ministério Público Federal), para que o hospital reajuste os valores pagos pelos procedimentos cirúrgicos.

Nesta quinta-feira, os profissionais participam de reunião, no MPF, com o procurador Felipe Fritz Braga, a direção do hospital, além dos secretários municipais e estaduais de Saúde, Luiz Henrique Mandetta e Beatriz Dobashi, respectivamente.

Os anestesistas, contratados pela empresa terceirizada Servan, cobram que sejam aplicados os valores da tabela CBHPM (Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos), bem acima do pago pelo SUS (Sistema

Após colocarem fim a uma greve de 70 dias no Hospital São Julião, os anestesistas tentam acordo, com intermédio do MPF (Ministério Público Federal), para que o hospital reajuste os valores pagos pelos procedimentos cirúrgicos.

Nesta quinta-feira, os profissionais participam de reunião, no MPF, com o procurador Felipe Fritz Braga, a direção do hospital, além dos secretários municipais e estaduais de Saúde, Luiz Henrique Mandetta e Beatriz Dobashi, respectivamente.

Os anestesistas, contratados pela empresa terceirizada Servan, cobram que sejam aplicados os valores da tabela CBHPM (Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos), bem acima do pago pelo SUS (Sistema

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions