A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

14/10/2015 12:39

Alegando falta de dinheiro, Solurb confirma nova suspensão da coleta

Antonio Marques
Falta de dinheiro para pagar terceirizados e prestação de leasing paralisa coleta de lixo novamente (Foto: Marcos Ermínio)Falta de dinheiro para pagar terceirizados e prestação de leasing paralisa coleta de lixo novamente (Foto: Marcos Ermínio)

A empresa CG Solurb confirmou, por meio de nota, que ocorreram problemas para realizar a coleta de lixo em algumas regiões da cidade desde ontem. A justificativa é a falta de dinheiro para pagamento de fornecedores, prestação de leasing dos caminhões e aquisição de alguns insumos “imprescindíveis a operação.” Hoje cedo, alguns funcionários disseram que não há nem diesel para abastecer os veículos.

A nota diz ainda que, caso a empresa não tenha liberação do dinheiro bloqueado pela Justiça ou o pagamento realizado por parte da prefeitura imediatamente, “provavelmente a falta de insumos e pagamentos aos fornecedores acarretará em suspensão dos serviços” em toda Campo Grande.

O problema só seria evitado se a empresa vir a saldar os compromissos com os fornecedores e ter o fornecimento dos produtos restabelecidos.

Conforme a Solurb, a prefeitura já teria sido informada da situação e mesmo com os pagamentos atrasados há mais de 90 dias, até o presente momento, não havia recebido qualquer posicionamento sobre a possibilidade de pagamentos, nem agendamento para debater o assunto.

Na nota, a empresa explicou também que a falta de recursos para compra de combustível, pagamento de serviços terceirizados e prestação do "leasing" (operação de aluguel com opção de compra) dos caminhões são os mais graves, “pois causam desde a inoperância dos equipamentos, até o bloqueio dos veículos”, o que teria ocorrido na manhã de hoje.

A empresa informou ainda que, até a data de ontem, o valor referente aos bloqueios financeiros autorizados pela jJstiça, somava a pouco mais de R$ 500 mil. No entanto, essa quantia não teria sido disponibilizada à Solurb pelo Poder Judiciário.

A assessoria da prefeitura comunicou que só poderia enviar uma resposta sobre o assunto no período da tarde.



Bernal gosta da cidade suja, desde a primeira parte do mandato. Mato, lixo, buracos, só vai piorar.
 
Joao em 14/10/2015 15:04:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions