ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Após 60% de turma reprovar em disciplina, universidade irá indenizar alunos

Ação foi movida pela Defensoria Pública de MS, após solicitação dos acadêmicos

Por Aletheya Alves | 15/09/2021 08:12
Alunos do curso de Medicina Veterinária serão indenizados por universidade. (Foto: Divulgação/Defensoria Pública de MS)
Alunos do curso de Medicina Veterinária serão indenizados por universidade. (Foto: Divulgação/Defensoria Pública de MS)

Após ação ser movida pela Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul, universidade de Campo Grande foi condenada a pagar indenização aos alunos do curso de Medicina Veterinária por má prestação de serviços. Motivação principal da reclamação, uma disciplina reprovou mais de 60% dos acadêmicos.

Conforme a Defensoria, os alunos apresentaram reclamações ao órgão devido a problemas na disciplina de patologia clínica oferecida pela Universidade Anhanguera. Entre os pontos levantados, os acadêmicos explicaram que turmas em períodos diferentes da graduação foram unidas, sendo que o curso deveria ser dado apenas para as turmas mais avançadas.

Além da união de turmas, os alunos alegaram que a professora responsável faltou inúmeras vezes, causando semanas sem aulas. Por fim, os acadêmicos questionaram a qualidade do conteúdo ministrado e falta do conteúdo pragmático.

Sem as aulas, mais de 60% dos alunos reprovaram na disciplina e teriam que realizar o curso novamente. De acordo com a Defensoria, a Justiça decidiu que uma nova turma da disciplina deveria ser disponibilizada sem custos e que cada acadêmico recebesse R$ 5 mil devido aos danos morais.

Em nota, a universidade disse que irá se posicionar sobre o tema na esfera jurídica, pois o processo ainda está em andamento.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário