A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Outubro de 2019

08/06/2019 13:47

Após dois roubos em supermercados, quadrilha é presa com armas e drogas

Assaltos a supermercados foram registrados na tarde de ontem em bairro da região norte da cidade, na cidade para Cuiabá

Viviane Oliveira
Carro que a quadrilha usava para praticar roubos (Foto: divulgação / Polícia Militar) Carro que a quadrilha usava para praticar roubos (Foto: divulgação / Polícia Militar)
Dinheiro e celulares levados dos supermercados foram recuperados pela equipe policial (Foto: divulgação / Polícia Militar) Dinheiro e celulares levados dos supermercados foram recuperados pela equipe policial (Foto: divulgação / Polícia Militar)

Quadrilha que praticava roubos na região norte de Campo Grande foi presa por policiais da 11ª Companhia e do Batalhão de Choque, na noite de ontem (7), na região do Bairro Mata do Jacinto. Conforme a Polícia Militar, por volta das 13h50, foi acionada para atender ocorrência de roubo ocorrido num supermercado na Avenida Gualter Barbosa, no Bairro Nova Lima. Três suspeitos num veículo Fiat Palio e armados com revólver haviam levado do comércio R$ 600. 

Cerca de 40 minutos depois, a polícia recebeu outro chamado informando que provavelmente os mesmos suspeitos no Palio verde tinham roubado mais um mercado, dessa vez, na Avenida Ana Rosa Castilho Ocampos, no Jardim Montevidéu. Na ocasião, os ladrões levaram R$ 100 e celulares.

Em buscas nas imediações, os policiais se depararam com o veículo suspeito e deram ordem de parada. O motorista não obedeceu e tentou fugir, mas houve perseguição e na sequência os ocupantes do automóvel acabaram presos na região da Mata do Jacinto com dinheiro e revólver calibre 32.

Questionados sobre o crime, os autores acabaram confessando o paradeiro do terceiro envolvido nos roubos. Os policiais foram até a casa localizada na região e lá encontrou mais três pessoas, sendo uma delas a namorada de um deles. Na residência, os policiais apreenderam ainda porções de cocaína, maconha, balança de precisão, peneira e diversas apetrechos utilizados para comercializar a droga. Os suspeitos não tiveram os nomes divulgados pela polícia. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions