A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Abril de 2019

09/12/2018 15:49

Cidade do Natal amplia expectativa de vendas entre ambulantes

Espaço foi aberto ao público na noite de sábado (8) e fica até o dia 6 de janeiro

Kerolyn Araújo
Pedro vende pipoca, algodão doce e água em frente ao parque. (Foto: Paulo Francis)Pedro vende pipoca, algodão doce e água em frente ao parque. (Foto: Paulo Francis)

A Cidade no Natal, nos altos da Avenida Afonso Pena, em Campo Grande, aberta oficialmente ao público na noite de ontem (8), já é motivo de expectativa de aumento de vendas para ambulantes da região.

Valdinei Vasques, 30 anos, está no ponto em frente ao Parque das Nações Indígenas vendendo água de coco há três anos. O ambulante disse que as vendas no período de Natal dos anos anteriores não apresentaram muitas mudanças, mas acredita que neste ano vai melhorar. ''A expectativa é de que as vendas melhorem por causa da Cidade do Natal, associada ao pagamento da segunda parcela do décimo terceiro no dia 20", disse.

 

 

 

Valdinei acredita que vendas vão melhorar após pagamento da segunda parcela do décimo terceiro. (Foto: Paulo Francis)Valdinei acredita que vendas vão melhorar após pagamento da segunda parcela do décimo terceiro. (Foto: Paulo Francis)

Vendedor de pipoca, água e algodão doce desde a criação do parque, Pedro Abud Amoreno, 73 anos, disse que na época de Natal as vendas sempre melhoram com o aumento do fluxo de pessoas que passam para visitar a espaço. ''Sempre melhora um pouquinho. As crianças olham a pipoca e o algodão doce e os pais acabam comprando", contou.

A Cidade do Natal foi aberta oficialmente ao público na noite de ontem e a aposentada Alvani Gomes, 64 anos, não perdeu tempo e levou os netos, de 5 e 7 anos, logo na primeira noite de evento.''Todos os anos visitamos a Cidade do Natal no primeiro dia. Agora a decoração está mais bonita", relatou.

 

 

Netos de Alvani aprovaram a Cidade do Natal. (Foto: Paulo Francis)Netos de Alvani aprovaram a Cidade do Natal. (Foto: Paulo Francis)

Novidades - Neste ano, a cidade conta com uma área kids, artesanato, presença do Papai Noel todos os dias, das 17h às 23h, além de mais de 60 atrações musicais nos 30 dias de festa.

Na praça de alimentação, que agora é coberta, os preços vão de 8 a 26 reais. Há opções de comidas doces e salgadas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions