ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, QUINTA  16    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Com toque de recolher às 20h, 187 furam restrições e 42 comércios são orientados

Em bandeira cinza, novo decreto estadual começou a valer neste domingo e vai até dia 24 de junho

Por Ana Oshiro | 14/06/2021 09:28
187 pessoas foram flagradas nas ruas após início do toque de recolher (Foto: Divulgação/GCM)
187 pessoas foram flagradas nas ruas após início do toque de recolher (Foto: Divulgação/GCM)

Em bandeira cinza, na classificação do Programa Prosseguir, neste domingo (13), no primeiro dia com as novas restrições, impostas pelo decreto estadual, a GCM (Guarda Civil Metropolitana) flagrou 187 pessoas circulando nas ruas de Campo Grande, após às 20h, quando o tem início o toque de recolher.

Durante a operação de prevenção e de enfrentamento à covid-19, os guardas ainda fiscalizaram e orientaram 42 estabelecimentos comerciais que estavam funcionado após o horário permitido por seus alvarás. Dois comércios foram notificados por descumprirem as regras.

Em operação conjunta no trânsito, 323 veículos, entre motos e carros, foram abordados, seis pessoas se recusaram a fazer o teste do bafômetro e duas CNHs (Carteira Nacional de Habilitação) foram recolhidas. A operação foi feita pela GCM, em parceira com a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) e o Detran (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

323 veículos foram fiscalizados durante blitz na noite deste domingo (Foto: Divulgação)
323 veículos foram fiscalizados durante blitz na noite deste domingo (Foto: Divulgação)

Decreto - Até o dia 24 de junho, atividades não consideradas essenciais, como shoppings, bares e restaurantes, estão proibidas de oferecer atendimento ao público, em Campo Grande e outras 42 cidades do Estado.

A medida, determinada pelo governo, busca frear os números relacionados à covid-19 em municípios classificados pela bandeira cinza, no Programa Prosseguir. Ao todo, 51 atividades estão autorizadas a funcionar normalmente, isso porque são classificadas como essenciais. Confira a lista completa do que pode e não pode:

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário