A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

29/12/2010 12:08

Deaij indicia 6 pessoas pela morte por vingança no Jardim Anache

Ricardo Campos Jr.

Polícia identificou ainda envolvimento de adolescente no crime

Envolvidos ainda destruíram carro da vítima (Foto: João Garrigó)Envolvidos ainda destruíram carro da vítima (Foto: João Garrigó)

Um adolescente foi apreendido e 6 pessoas foram presas e indiciadas por envolvimento na morte de Daniel Delmondes dos Santos, ocorrida na madrugada do último dia 5 de dezembro na rua dos Amigos no Jardim Anache.

Os envolvidos são: Paulo Roberto Lopes, 41 anos, Nilson da Silva Roma, 19 anos, Everton Rafael Pereira, 22 anos, Celso Mendonça Pereira, 37 anos, Eleandro da Silva Araújo, 18 anos e Cleverson Rafael Pereira, 21 anos.

A Polícia concluiu que o crime foi praticado por vingança. Daniel foi até a rua dos Amigos para impedir que o filho matasse o adolescente Lucas Jonathan Pereira Lopes, 16 anos, filho de Paulo Roberto. No entanto, ao chegar ao local, o filho já havia cometido o crime e não estava no local.

Daniel foi morto a pedradas, agressões diversas, além de mais de 15 facadas pelo grupo identificado pela Deaij (Delegacia Especializada em Atendimento a Criança e Juventude). O carro da vítima foi destruído.

Paulo Roberto disse na delegacia que quando Daniel chegou ao local no dia do crime, ele o teria chamado para conversar. As agressões tiveram início, pois, de acordo com Paulo Roberto, Daniel não queria revelar o paradeiro do filho.

As investigações da Deaij apontam que Paulo Roberto foi o autor da primeira facada que atingiu Daniel.

Nilson foi o responsável pela segunda facada. Foram mais de 20 golpes desferidos contra a vítima.

Um adolescente chegou a se apresentar na Deaij assumindo participação no crime, de acordo com as investigações, a pedido de Paulo Roberto.

O inquérito foi relatado ao Ministério Público.



Parabéns ao trabalho da aquipe da DEAIJ, mostrando que apesar das dificuldades com que a polícia trabalha, a dedicação e o esmero são uma constante no desempenho dos policiais desta especializada. E a delegada Maria de Lourdes possui habilidades inequivocas e competencia à frente da DEAIJ, conduzindo com maestria e profissionalismo os inqueritos solucionado-os e trazendo a verdade dos fatos, num esforço enorme para com a segurança da comunidade campograndense.
 
Fernando Andrighetti em 29/12/2010 12:42:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions