A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019

04/05/2019 07:36

Dia D da campanha contra gripe ocorre hoje em 69 pontos da Capital

Na Praça Ary Coelho, onde será feito o lançamento nesta manhã, também ofertará o serviço ao público-alvo

Mayara Bueno
Profissional aplica dose de vacina contra gripe; pessoas devem levar documentos que comprovem público-alvo. (Foto: Divulgação/PMCG).Profissional aplica dose de vacina contra gripe; pessoas devem levar documentos que comprovem público-alvo. (Foto: Divulgação/PMCG).

Neste sábado (dia 4), as 68 unidades básicas de saúde de Campo Grande aplicam a vacina da gripe. Um trailer montado na Praça Ary Coelho, no Centro, também oferece o serviço à população.

Hoje é o Dia D da campanha, cujo lançamento oficial será às 8 horas, praça. Está prevista a ida do prefeito do Marquinhos Trad (PSD) e o secretário de Saúde, José Mauro de Castro Filho.

Segundo a Prefeitura de Campo Grande, ao menos 500 profissionais farão a imunização, exclusivamente, contra a gripe. Recebe a dose quem se enquadra no chamado grupo de risco estabelecido pelo Ministério da Saúde e a pessoa fica protegida contra os três subtipos do vírus que mais circularam no ano passado: A/H1N1; A/H3N2 e influenza B.

No site www.campogrande.ms.gov.br/sesau, são fornecidas informações como locais de vacina e documentos necessários.

Grupo de risco - Podem receber tomar a vacina quem tem 60 anos ou mais de idade; as puérperas (mulheres até 45 dias após o parto); os trabalhadores de saúde; indígenas; pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

Também abrange professores de escolas públicas e particulares; crianças de 6 meses a menores de 6 anos (5 anos, 11 meses e 29 dias); grávidas e policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas.

Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e a população privada de liberdade, além dos funcionários do sistema prisional, serão imunizados em esquema organizado pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde).

Para receber a dose, o público-alvo deve apresentar o Cartão Nacional de Saúde (CNS) ou número prontuário da rede de saúde de Campo Grande, documento pessoal de identificação e a caderneta de vacinação, se tiver.

Além dos documentos exigidos para todos, os profissionais de saúde devem apresentar a carteira de conselho ou holerite; as gestantes e puérperas: cartão da gestante, laudo médico ou exames com identificação; os indígenas: cadastro na Sesai e os policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas: documentos que informe a condição de policial civil ou militar.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions