A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

17/02/2011 12:34

“Eu não queria que eles subissem”, diz cadeirante sobre tiros na PM

Nadyenka Castro e Ricardo Campos Jr.

Aposentado tentou impedir cumprimento de ordem judicial

Jaime tinha em casa espingarda, pele de onça e máquina caça-níquel. (Foto: João Garrigó).Jaime tinha em casa espingarda, pele de onça e máquina caça-níquel. (Foto: João Garrigó).

O aposentado Jaime Gutierrez Jacob, 38 anos, disse que atirou nos policiais militares, nesta quinta-feira pela manhã, em Campo Grande, para tentar impedir que entrassem na casa dele. “Eu não queria que eles subissem”, declarou.

Jaime disparou três tiros contra policiais militares e um oficial de Justiça que foram até o local, na rua Antônio Maria Coelho, para cumprir uma ordem judicial de mandado de reintegração de posse.

Ele declarou que a ordem de despejo é resultado de problemas relacionados ao inventário do avô dele, que morreu há 20 anos. “Esse imóvel pertencia ao meu avô”, disse.

Jaime contou ainda que depende de cadeira de rodas devido a um tiro que atingiu as costas dele, em 1998. Segundo o aposentado, ele estava em um orelhão quando foi ferido. Ele trata o caso como acidente.

Os tiros disparados pelo cadeirante não acertaram ninguém. Os policiais entraram no imóvel e lá apreenderam a espingarda calibre 12, uma máquina caça-níquel e um pedaço de pele de onça jaguatirica. Jaime alegou que os irmãos dele deixam objetos no local.

A ordem judicial foi cumprida e o aposentado preso.



santo Deus onde paramos?até onde vai tanta violência?deficiente atacando a policia,com arma de fogo com pele de bicho,vai saber o que esse ser humano já fez na vida pra hoje esta numa cadeira de rodas?imagina isso com as pernas?tá certo a policia tem prender mesmo lugar desse louco é na cadeia ou no hospicío né? mas diante de tanta violência é só mais um louco guardado no lugar certo,parabéns a policia fica o meu desabafo em nome de toda uma comunidade k agradece o trabalho da policia parabéns.
 
veronice ribeiro em 17/02/2011 10:33:17
Parabéns pela ação da polícia, que conseguiu efetuar a prisão do autor dos disparos preservando a vida dele, de forma a entregá-lo ao judiciário para que seja corretamente julgado e processado. Nessas horas é preciso elogiar estes policiais e reconhecer a dificuldade do serviço que eles enfrentam, pois um cidadão cadeirante seria a última pessoa que pensaríamos que iria ter uma espingarda calibre 12 em casa e muito menos que este tentaria reagir contra a policia.
Governador, espero o devido reconhecimento a estes e a todos os outros policiais do nosso Estado!!
 
Jorge Alves dos Santos em 17/02/2011 07:47:35
rapaiz imagina se esse jovem nao fosse cadeirante, com tudo isso de dificuldades da vida calçadas ruins, tudo sendo do contra foi preso com tudo isso imagina se fosse bom das pernas, aquela onça do cras uma hora dessa ja estava de tapete na sala dele, maquinas ia ter mais que em las vegas, e arma ia ser fornecedor dos morros do rio de janeiro, agora dar tiro na policia ai complicou se o ofcial de justiça fosse o xibiu, iam fechar o escritorio do bar do portugal....rsr.sr.rs..s. so pra quem sabe onde e...
 
luiz fernandes em 17/02/2011 01:12:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions