A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

25/08/2011 15:59

Homem que matou ex-marido da namorada se apresenta à Polícia

Nadyenka Castro

Ele foi ouvido e irá responder ao inquérito em liberdade

Edvaldo foi morto após ter tentado assassinar a ex-mulher. (Foto: João Garrigó)Edvaldo foi morto após ter tentado assassinar a ex-mulher. (Foto: João Garrigó)

Leandro Macedo, 29 anos, que matou o ex-marido da namorada na última segunda-feira, no bairro Nova Lima, em Campo Grande, se apresentou na tarde dessa quarta-feira à Polícia acompanhado de advogado.

De acordo com a Polícia Civil, ele disse que Edvaldo Bastos Correia, de 55 anos, entrou no lava-jato da ex-mulher, Zilda de Fátima Netto, de 36 anos, apontou a arma para ela, mas a mesma falhou.

Diante disso, lutou com Edvaldo e houve os disparos, sendo que um atingiu a cabeça de Edvaldo, que morreu no local, onde Leandro deixou o revólver calibre 38.

Leandro falou à Polícia Civil que, nervoso, saiu do lava-jato com a namorada e, mesmo com insistência dela para não fugir, decidiu se esconder.

Após ser ouvido, Leandro foi liberado. Ele irá responder ao inquérito em liberdade.

O caso- Edvaldo ameaçava Zilda de morte desde 2009, quando o relacionamento amoroso deles, de 15 anos, acabou. Ele foi preso várias vezes devido às ameaças, mas era solto em seguida.

Em janeiro deste ano colocou fogo no carro de Zilda, o qual ficou totalmente destruído. Edvado foi preso, ficou menos de um mês na cadeia, voltou a fazer ameaças a ex-mulher e nessa segunda-feira apontou o revólver calibre 38 para ela, mas, acabou morto com a própria arma.

Leandro Macedo não tem passagens pela Polícia. Edvaldo tinha as ameaças contra Zilda.



Qual seria a atitude dessa senhora diante da situação, desde de 2009 vivendo sob ameaça, inclusive causando prejuizo como queimar o carro da ex-mulher, penso que o estado deveria protegê-la, diante da omissão deste, penso que a melhor solução foi a que ocorreu. Cada vez que o mesmo era preso parece-me que quando solto sentia mais raiva da mulher. Diante disso demorou demais o pesadelo.
 
Antenor Vilanova em 26/08/2011 10:49:51
Edvaldo tinha as ameaças contra Zilda e pelo que ouvi na TV - havia matado a primeira esposa, quando morava em São Paulo. O cara era bandido mesmo!! Leandro livrou a companheira da morte e salvou também a própria vida!!
 
Joanne Pereira em 25/08/2011 09:40:42
Parabéns Leandro!!! E não se culpe não pois certamente se isso não tivesse ocorrido, sua esposa estaria morta agora pois esse tipo de gente não fica presa mesmo depois da polícia ter provas de que ele queria matar a ex. Simplesmente a polícia estava esperando ela morrer. Com certeza Deus já te perdoou.
 
Andréia Silva em 25/08/2011 07:03:23
Esse homem merece honras por ter arriscado sua vida defendendo sua esposa.parabêns Leandro,e voce Zilda parabêns pelo marido que tem.ajude ele a superar esse peso.
 
Solange Sousa da Silva em 25/08/2011 04:36:50
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions