A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Agosto de 2018

17/12/2011 16:17

Homem se nega a pagar conta de bar na avenida Afonso Pena, agride e ameaça dono

Paula Maciulevicius

Confusão terminou quando ele foi detido pelas pessoas que estavam no local, já no canteiro da avenida Afonso Pena

Um homem de 28 anos agrediu o dono do bar Miça, na avenida Afonso Pena, na madrugada de hoje, na Capital. Segundo a Polícia, Felipe Pereira de Oliveira, se recusou a pagar a conta do bar, no valor de R$ 104, pulou a grade de proteção do estabelecimento e ainda agrediu o dono, que tentava cobrar o valor consumido.

Felipe estava com a comanda em mãos e tentou sair sem pagar causando transtornos. Segundo relatado no boletim de ocorrência, o rapaz subiu em uma das mesas e dizia “sou gaúcho macho”. Em seguida, pulou sob o alambrado e quando o dono se aproximou, Felipe começou a dar socos no rosto dele.

Em meio à agressão ele ainda teria ameaçado “você já era, você está morto”. Felipe também agrediu o pai do dono do bar.

A confusão só terminou quando ele foi detido pelas pessoas que estavam no local, já no canteiro da avenida Afonso Pena. A Polícia Militar foi acionada e como o rapaz estava muito exaltado, teve de ser algemado.

Na delegacia, Felipe que é representante comercial nascido em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, continuava exaltado xingando os policiais. Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, o rapaz começou a bater a cabeça na parede alegando que havia sido agredido pela Polícia.

O caso foi registrado como lesão corporal dolosa, ameaça, outras fraudes e resistência. Por se tratar de crimes de menor potencial ofensivo, Felipe assinou um TCO (Termo Circunstancial de Ocorrência) se comprometendo à comparecer em juízo e não pagou a conta.



“sou gaúcho macho”. Nós, os gaúchos, somos machos sim, como disse esse tal Felipe. Mas não somos hipócritas, nem caloteiros. Que esse "mal elemento" pague pelo que fez. Se eu fosse o dono do bar, além de cobrar por eventuais danos materiais, registraria um boletim de ocorrência policial de ameaça contar ele, e acionaria-o judicialmente. Não pode alguém ameaçar outra pessoa e ficar por isso mesmo.
 
Fernando Silva em 17/12/2011 06:03:08
nao pagou a conta por q entao, e so fingir de louco e ta livre de pagar a conta, ja pensou c esta moda pega
 
paulo melo em 17/12/2011 05:52:46
Se é gaucho macho, tem que pagar a conta tchê!!!
 
Julio Martini em 17/12/2011 04:53:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions