ACOMPANHE-NOS    
MAIO, DOMINGO  16    CAMPO GRANDE 29º

Capital

Investigação sobre "tribunal do crime" leva polícia a capturar oito pessoas

Quatro foram presos por envolvimento direto no sumiço de Sandro Lucas de Oliveira, em dezembro de 2019

Por Marta Ferreira | 15/06/2020 18:27
Sandro Lucas, de 24 anos, sumiu em dezembro do ano passado e, segundo a investigação, foi vítima do "tribunal do crime".
Sandro Lucas, de 24 anos, sumiu em dezembro do ano passado e, segundo a investigação, foi vítima do "tribunal do crime".

Oito pessoas foram capturadas, cinco homens, um adolescente e duas mulheres, em ação policial desta segunda-feira (15) cujo objetivo era identificar os responsáveis pelo desaparecimento de Sandro Lucas de Oliveira, de 24 anos, sumido em dezembro do ano passado, na Vila Popular, em Campo Grande. A investigação policial indica que ele foi vítima do “tribunal do crime”, forma usada pelas facções criminosas para designar assassinatos durante justiçamento de desafetos.

O corpo ainda não foi achado, portanto não foram esclarecidas as circunstâncias do crime. Cinco locais foram percorridos nesta tarde, um deles uma boca de fumo.

As apurações realizadas apontam para quatro autores, que foram presos hoje, em diligências da DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídios), com apoio da Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos) e da Deaij (Delegacia de Apoio à Juventude).

Foram capturados por relação direta com o sumiço e execução da vítima Eder de Barros Vieira,  Adson Vitor Farias, Eliezer Nunes Romero e Rafael Aquino de Queiroz, além do adolescente de 17 anos.

Sandro Lucas de Oliveira, a vítima tinha passagem por tráfico e por roubo, segundo levantado.

Os presos durante a operação. (Foto: Reprodução Instagram/DEH)
Os presos durante a operação. (Foto: Reprodução Instagram/DEH)

Mais gente presa - Ao todo, segundo divulgado, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão domiciliar, quatro mandados de prisão temporária e o mandado de busca e apreensão do adolescente.

A DEH, que comandou os trabalhos, informou que um dos presos temporariamente também foi alvo de flagrante por posse de munição e outro por tráfico de droga.

As outras três pessoas foram flagradas traficando drogas. Duas eram foragidas do sistema prisional. Com elas, foi encontrada droga, além de petrechos para preparação do entorpecente para a venda, segundo a polícia. São duas mulheres, de 21 e 22 anos, e um homem.

Conforme informado em nota à imprensa, as diligências de hoje permitiram a coleta de provas para o esclarecimento das circunstâncias do desaparecimento, além do encarceramento dos fugitivos flagrados cometendo tráfico de drogas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário