A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

27/07/2013 08:55

Motorista e PM ficam feridos após trocar tiros em dois bairros da Capital

Aliny Mary Dias e Graziela Rezende

Um motorista e um policial à paisana se envolveram em um tiroteio após uma confusão em uma festa no Jardim Pioneiros na madrugada deste sábado (27) na Capital. Segundo a Polícia Civil, o motorista Nelson Figueiredo, 44 anos, começou a confusão após ser expulso da festa. O tiroteio também ocorreu no Bairro Universitário e os dois ficaram feridos. 

O policial militar Ercílio Alves Feitosa, 47 anos, não estava de serviço e também participava da festa. Segundo a polícia, o motorista estava no local com a esposa quando os dois foram expulsos da festa pelo dono do local.

Revoltado com a situação, Nelson atirou várias vezes e fugiu, mas ninguém foi atingido. O policial que participava do evento viu a situação e perguntou para testemunhas para onde o motorista havia fugido.

Sem saber, enquanto procurava o homem no Bairro Universitário, o policial passou em frente à casa dele e Nelson atirou várias vezes contra o militar. Ercílio acabou sendo atingido no pé esquerdo e o carro dele foi perfurado por cinco disparos.
O policial revidou ao ataque e atirou contra Nelson, ele foi atingido por dois disparos em uma das pernas. Ercílio chamou o reforço policial e quando os militares chegaram o suspeito já havia fugido.

Dentro da casa de Nelson, os policiais encontraram uma pistola calibre 380 e um revólver calibre 22. Parentes do motorista contaram à polícia que ele foi com o próprio carro para o Hospital Universitário. Na unidade, o homem negou ser proprietário das armas, mas afirmou que possui o registro da pistola. Nelson continua em observação e responderá por posse irregular de arma de fogo e lesão corporal dolosa.

O policial também foi atendido e prestou depoimento à polícia sobre o caso. Tanto os carros do policial e do motorista passaram por perícia e já foram liberados para os proprietários.

Sesau e SES recolhem quase 10 toneladas de lixo no Jardim Noroeste
A ação de recolhimento de lixo realizada em casas e terrenos baldios no Jardim Noroeste - bairro localizado na regiões leste de Campo Grande - somou ...
Apae recebe doação de brinquedos da campanha Compartilhe o Natal
Foi iniciado nesta segunda-feira (11) a entrega de brinquedos arrecadados na campanha "Compartilhe o Natal", realizado pelo Ministério Público Estadu...
Ação oferece serviço especial na UBSF do Tarumã nesta terça-feira
A UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) do Tarumã promove nesta terça-feira (12) diversas atividades voltadas para a promoção de saúde da populaç...


eu sou o nelson não sou ladrão nem bêbado um cara com dentro de um carro com mais dois para em frente meu portão e dispara dois tiros em mim depois inventa uma historia dessa, tenho uma arma documentada desde 1992 não tenho passagem, esse cara arruma briga e sai a procurar um fiat vermelho o meu irmão guarda o carro dele na minha casa um fiat vermelho.eu estava assistindo televisão com meu filho de 10 anos quando esse carro parou em frente do portão olhei pela porta eles saíram peguei minha arma fui fechar o portão quando ele voltou e deu dois tiros acertando os dois ai eu atirei no carro e eles siram correndo se eu tivesse desarmado teria morrido final fui para o hospital e fiquei preso sendo cuidado por dois policiais como bandido.muito humilhante estou indiguinado com tudo.
 
nelson figueiredo em 03/08/2013 17:08:16
eu sou o nelson nao sou bebado nem bandido sou um trabalhador que nunca tive passagem pela policia eu fui ne uma festa de um colega nao vi briga fiquei pouco tempo e fui embora para casa de moto de carona com outro amigo meu, meu carro e um gol na minha garage tem um uno do meu irmao esse policial tava atras de um uno e parou em frente ao meu portao meu portao tava aberto esperei o carro sair peguei minha arma que tenho desde 92 documentada e fui fechar o portao quando o carro voltou eu recebi dois tiros ae eu disparei no carro,se estou desarmado eu era esecutado nao conheço esse policial e acho que ele nao me conhece so sei que to baleado nao posso trabalhar os remedios sao caros e ainda fiquei preso algemado na cama do hospital e agora fico vendo comentario maldosos
 
nelson figueiredo em 02/08/2013 17:46:37
o Policial pode atirar em todo mundo???

lorota, isso é rixa entre eles, pagamento de propina alguma coisa nesse ramos, tava todo mundo de boa na festa e o policial encrencando, prende ele pô.
 
fatima de oliveira em 28/07/2013 11:30:01
Essa história está mal contada, o policial não sabia onde o motorista reside e foi justamente passar na frente da casa dele. Era uma vez um gato xadrez quer que eu conte outra vez...
 
João de Paula em 28/07/2013 09:18:10
Você Jorge, faz parte das exceções de como ser um exemplo de policial militar. O que sempre vem a tona é o que os baladeiros já sabem, que maus PMs saem de casa com sua arma municiada e sai pra essas boates de periferia como se fosse atrás de bandidos quando em seu expediente normal trabalha no administrativo. Tantos PMS que já foram mortos por acertos de conta com bandidos, é desses que a sociedade reclama, tiros o PM deve dar a bandidos e ladrões. Agora só por causa de uma encarada sai de arma em punho dando esculacho na cara do cidadão? E ao dr. Caio agradeço humildemente seus conselhos, mas esse teu julgamento não teve critérios. Será eu um advogado ou um simples eleitor atento aos absurdos da verdade? Dentro das normas da Casa,cada um dá a opinião que quiser, isso é democracia.
 
samuel gomes-campo grande em 28/07/2013 09:12:09
De novo ocorrência envolvendo policial e civil em festinha no Pioneiros, este policial agiu fora do padrão pois deveria ter solicitado uma guarnição de serviço antes de sair caçando o individuo, nem precisa trabalhar na Segurança publica para saber que sendo um policial não devo ir a festinhas resolver situações sozinho, até por que a situação se estendeu e ele foi fazer trabalho de investigador ao sair a procura do individuo, e uma vez que foi o policial que saiu sozinho a procura do individuo, não há como saber quem começou a atirar em quem, o policial que se presa a partir do momento que passa a fazer parte da instituição deve mudar seus hábitos evitando assim estes lugares, outra coisa nunca um PM vai em uma ocorrência sozinho, são orientados a agir desta forma, ta tudo errado aí.
 
Aureliano Sousa em 28/07/2013 08:40:30
bandido é bandido PM é PM, PM com cai tem que cai atirando
 
edmillson de freitas alves em 28/07/2013 07:56:18
NÃO SABE NEM O QUE VC DIZ SAMUEL !!!!!!
 
luiz caxias em 27/07/2013 22:49:42
acho que você samuel sabe se esse PM tava ou não de segurança pra ta falando isso? é fácil falar e difícil você enfrentar todos os dias bandidos correndo riscos de morte ultimamente você que se acha como os sabidão tem que ver os lados de policias que tem família para alimentar e dar oque vestir você ta sabendo muito da vidas dos PM você anda vigiando eles quando eles saiam do serviço? Os PM ganham bem mais também eles tem o direto de se divertir eles são seres Humanos como todos nos.
 
Alisson Souza em 27/07/2013 20:00:19
é samuel gomes vc ta bem enformado ate parece que anda persiguindo os policias
fora de serviço.
 
willian souza em 27/07/2013 19:45:30
Samuel Gomes, a pistola 380 não é arma de uso restrito da polícia, vc não queria dizer .40?
 
MAURO MENEZES em 27/07/2013 19:43:18
Faço bico de segurança pra dar uma vida melhor pra minha filha de 4 anos e nunca bebi em serviço seja no bico ou na PM. Amigo Samuel Gomes o uso racional da bebida vai de cada um. Não existem dados estatísticos mas centenas de crimes como roubo, sequestro, latrocínio, estupro não ocorrem porque a vagabundagem sabe que em determinados locais há policiais fazendo segurança e ganhando dinheiro honesto. Desequilíbrio? Valentia? Ser PM é estado de espírito e a vontade de ajudar fala mais alto quando alguém está correndo risco. Esse PM é um ótimo policial e merece respeito! Cuidado que amanhã um policial no bico pode salvar a sua vida. Deus te abençoe!
 
Jorge Pantaneiro em 27/07/2013 17:23:57
È Sr. Samuel, vc parece saber tanto de Lei pra criticar os outros que chega dar inveja... Primeiro, se for o caso, o crime de tentativa de homicídio absorve o disparo de arma de fogo e também o porte de arma (principio da consunção). Segundo, mesmo sem saber se o policial estava lá na festa fazendo "bico" ou não, o Sr. "sabe tudo" já o acusa sem ao menos ter o minimo de critério e bom senso. O policial deve ( isso mesmo, DEVE, de DEVER) ser policial 24 horas por dia ( e isso por força de lei). Não sou policial, não sei de tudo, mas me preservo em dar opiniões sem critérios... Quando quiser falar de Lei, estude mais pra não passar vergonha em seus comentários...
 
Caio Silva em 27/07/2013 15:21:06
veja a situação, policial a paisana sai de uma festa procura por um bêbado ate encontra-lo e troca tiros com o individuo, que nem conhece, em outro bairro, e querem dizer que ele esta certo, quanta ironia.
 
Julio Augusto Fretes Junior em 27/07/2013 13:38:21
Que delegado este que o incidia somente por porte ilegal e lesão corporal? O criminoso disparou 5 vezes contra o pessoal da festa e depois contra um policial, isso é tentativa de homicídio! O pessoal que estava na festa, assim como o policial ferido podem entrar com ação contra o criminoso (tentativa de homicídio) e contra o delegado (favorecer um criminoso, esconder o crime nos autos de infração e o não cumprimento da lei!).
 
Alexandre de Souza em 27/07/2013 13:36:35
TEM GENTE QUE FAZ COMENTÁRIOS E FAZEM PIOR, PROVAVELMENTE QUANDO VER UM PM FAZENDO QUALQUER TIPO DE SERVIÇO SE VE CONSTRANGIDO, TIPO DE GENTE QUE VIVE NO MUNDO DO CRIME, PROVAVELMENTE JA FOI PEGO TRAZENDO CIGARROS DO PARAGUAI OU SEMPRE É ABORDADO NA RUA POIS SEMPRE LEVANTA SUSPEITA. TODOS FALAM DA PM, MAS QUANDO ESTA EM SITUAÇÕES GRAVES LEMBRAM PRIMEIO DA PM DO QUE EM DEUS.
QUANDO ESTIVEREM COM ARMA DE UM BANDIDO APONTADA PARA SUA CABEÇA E DA SUA FAMÍLIA, LIGAM PARA POLÍCIA CIVIL. É BONITO VER NA TELEVISÃO CENAS DE CINEMA, VAI PRA REALIDADE PRA VEREM COMO A COISA É DIFERENTE.
 
MARCELO MATOS em 27/07/2013 13:35:01
5 tiros e o sujeito responde por lesão??? Tentativa de homicídio no mínimo...
 
Filipe Alberto em 27/07/2013 11:35:20
O Nelson mandou bala pra cima do PM a paisana e agora foi indiciado por "lesão corporal"? Ô delegado, não seria tentativa de homicídio, porte de arma, disparo em via publica? Novamente um PM fora de serviço dando uma de segurança nesses botecos da vida. Além de ganhar uma grana, pode beber e comer a vontade. O resultado? A valentia, o desiquilíbrio e tiros. Enquanto isso a corporação faz blitz nos altos da Afonso pena...agora não, por causa do frio. MPE: tá cheio de PMs servindo de seguranças nessas boates bêbados e armados e bêbados armados com pistola 380, restrito da policia de seguranças e bandidos.
 
samuel gomes-campo grande em 27/07/2013 09:27:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions