A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

10/03/2014 09:48

MS recebe 42 novos médicos cubanos e até abril serão 200 profissionais

Aliny Mary Dias
Médicos começaram a treinar nesta segunda-feira e na quinta irão para 20 cidades do Estado (Foto: Marcos Ermínio)Médicos começaram a treinar nesta segunda-feira e na quinta irão para 20 cidades do Estado (Foto: Marcos Ermínio)

A partir da próxima quinta-feira (13), 42 novos médicos, maioria cubana, atuarão na saúde básica de 20 cidades de Mato Grosso do Sul. Os profissionais fazem parte do programa Mais Médicos e começaram o treinamento nesta segunda-feira (10). Com a nova fase do programa, o Estado terá 118 médicos estrangeiros em atuação nas unidades básicas de saúde.

Dos 42 médicos que chegaram em Mato Grosso do Sul nos últimos dias, 39 deles são cubanos e outros três fazem parte de um intercâmbio com a Venezuela. A lista das cidades que receberão os profissionais ainda não foi divulgada pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), mas Campo Grande não receberá médico nesta etapa do programa.

Conforme o secretário de Saúde Antônio Lastória, mais 100 profissionais devem ser trazidos para o Estado no final do mês de abril, quando termina a 4ª etapa do programa. Dos médicos que já estão trabalhando, ainda não há um balanço em números dos resultados, mas a experiência tem sido positiva.

“Daqui um ano será possível mensurar em número o impacto desses profissionais, como a redução no número de internações. Mas os contatos que temos com secretários municipais mostram que o trabalho está sendo positivo”, diz Lastória.

Denis tem 25 anos de experiência e atuará em Guia Lopes da Laguna (Foto: Marcos Ermínio)Denis tem 25 anos de experiência e atuará em Guia Lopes da Laguna (Foto: Marcos Ermínio)

O treinamento que teve início nesta segunda-feira vai até a próxima quarta e apresenta aos profissionais o organograma da Secretaria de Saúde e do SUS (Sistema Único de Saúde).

Novidade – Um dos médicos que faz parte da nova equipe e vai reforçar o atendimento em Guia Lopes da Laguna é Denis Revé Carrion, de 44 anos. Com 25 anos de experiência na atuação médica, o profissional cubano explica o que o atraiu para vir ao Brasil.

“O Brasil é o único país que tem o SUS, nenhum outro possui esse sistema. Eu também tive muito interesse por estar na América Latina e pelo Brasil ser como os Estados Unidos são para o norte”, conta.

Com um português fluente depois de um ano de estudo da língua, Denis garante que o idioma não será obstáculo para o atendimento. “Nós estamos muito felizes por atender um chamado do Brasil para o mundo. Nós vamos fazer o que vocês precisam, que é uma boa atenção à saúde básica”, completa o médico.

Governo poderá trazer mais médicos cubanos, diz ministro da Saúde
O ministro da Saúde Alexandre Padilha voltou a dizer hoje (10), em São Paulo, que mais médicos cubanos ou de outras nacionalidades poderão ser contra...
Mais Médicos destinou 61 profissionais para Mato Grosso do Sul em 2013
Em 2013, Mato Grosso do Sul recebeu 61 profissionais pelo Programa Mais Médicos, do Governo Federal. Ao todo, 210 mil habitantes foram atendidos em 2...
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions