A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

03/04/2014 19:51

Polícia ouve dois suspeitos de participação no sumiço de empresário

Alan Diógenes
Já fazem 60 horas que o Erlon está desaparecido. (Foto: Reprodução/Facebook)Já fazem 60 horas que o Erlon está desaparecido. (Foto: Reprodução/Facebook)

Dois suspeitos de envolvimento no desaparecimento do empresário Erlon Peterson Pereira Bernal, 32 anos, prestaram depoimento na Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos), em Campo Grande. Além disso, cinco testemunhas do caso foram ouvidas na tarde desta quinta-feira (3).

De acordo com a Polícia, buscas também foram feitas em residências e terrenos baldios da Capital. O objetivo da vistoria realizada pelos policiais, foi encontrar um possível cativeiro em que Erlon poderia estar. A hipótese de roubo seguido de morte não foi descartada, mas existem outras linhas de investigação.

Já faz 60 horas que o empresário está desaparecido, desde quando saiu de casa para mostrar o seu veículo a um suposto comprador, próximo a rotatória da Coca-Cola, na saída para São Paulo.

Segundo a funcionária Magda Garcia, que trabalha na loja da esposa de Erlon, até agora a família não teve notícias dele. Ela conta que a cada hora que passa, os familiares ficam mais angustiados sem saber de seu paradeiro. “Ninguém sabe de nada. Essa demora nas informações causa uma angústia sem fim nos parentes”, destacou.

Magda conta que a família está muita abalada e evita falar sobre o assunto. Os telefones do pai e da esposa do empresário foram desligados.

O veículo que Erlon foi mostrar ao suposto comprador é um Golf de cor prata, 2009/10, placa HTJ-7457. Ele fez o anúncio na internet e combinou um local com o cliente. A família não tem informações do nome ou do contato da pessoa que compraria o carro.

Se alguém tiver pistas sobre onde Erlon possa estar, deve procurar a Defurv, localizada na avenida Senador Filinto Müller, 1590, bairro Universitário. A delegada Maria de Lourdes Cano, que está cuidando do caso, tomará as providências cabíveis quanto ao sumiço do empresário.



Estamos orando por ele e e pela família,temos fé em Deus que tudo vai ficar bem.. :(
 
Ismael de Souza Lopes em 03/04/2014 22:35:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions