A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

06/11/2014 08:42

Professores mantêm greve e seguem para protesto na Câmara Municipal

Edivaldo Bitencourt e Michel Faustino
Professores participam de reunião que manteve greve (Foto: Marcelo Calazans)Professores participam de reunião que manteve greve (Foto: Marcelo Calazans)

Os professores da Reme (Rede Municipal de Ensino) decidiram, em assembleia geral na manhã de hoje (6), manter a greve e seguem para um ato público na Câmara Municipal de Campo Grande. Eles exigem o pagamento do reajuste de 8,46% previsto em lei municipal de 2012.

Cerca de 800 professores participaram da reunião. O presidente da ACP (Sindicato Campo-Grandense dos Profissionais da Educação Pública), Geraldo Alves Gonçalves, informou que não houve acordo com o prefeito Gilmar Olarte (PP).
O progressista ressaltou, em encontro ontem, que não tem dinheiro para garantir o aumento retroativo ao mês de outubro deste ano e pagar no dia 1º de dezembro, junto com os salários de novembro.

Ele argumentou que irá cumprir a lei quando conseguir recursos extras, como a antecipação da outorga de concessão pela Águas Guariroba e concretizar a venda da folha de pagamento da Prefeitura de Campo Grande por R$ 50 milhões ao Banco do Brasil.

Sem acordo, os professores realizam o primeiro ato na Câmara Municipal. Novos protestos acontecem amanhã, a partir das 10h.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions