A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

27/06/2013 08:48

Sem verdura e legumes em Ceinf, mãe faz compras para 30 bebês de berçário

Aliny Mary Dias

As reclamações sobre falta de merenda em Ceinfs (Centros de Educação Infantil) de Campo Grande ganharam um novo capítulo nesta quinta-feira (27). Uma mãe que não quis se identificar com medo de represálias disse à reportagem que desde o início do ano a merenda da unidade Paulo Siufi está sem verduras e legumes.

A mãe tem uma filha de 3 anos e meio e um bebê de 11 meses no berçário do Ceinf localizado no Jardim Margarida. Segundo ela, desde o começo do ano a alimentação dos alunos está defasada.

“Desde janeiro não tem verduras ou legumes na alimentação deles. Tem cerca de 30 bebês no berçário que só comem feijão”, conta a mãe.

Para diminuir os impactos da falta dos itens, a mãe começou a fazer compras com dinheiro do próprio bolso e repassar para o berçário. Questionada sobre a comunicação da situação para outras mães, a mulher afirma que evitou fazer uma movimentação com medo de represálias. 

“Toda semana eu faço uma compra de legumes e verduras e levo para o berçário. Acho um absurdo porque as crianças ficam a semana inteira no Ceinf comendo arroz, feijão e carne. Os bebês só comem feijão”, completa a mãe.

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Campo Grande negou a falta de itens na alimentação das crianças. Uma equipe da prefeitura inclusive visitou o Ceinf Paulo Siufi na última semana e afirma não ter tido qualquer reclamação de pais sobre falta de alimentos.

Resposta - Em uma nota divulgada ontem (26), o prefeito Alcides Bernal negou a falta de alimentação que gera reclamações de mães há alguns meses na Capital.

“A Prefeitura reitera que não há falta de alimentos nos Ceinfs da Capital e os conselheiros tutelares têm a liberdade de verificar se a alimentação servida às crianças é adequada para o desenvolvimento das mesmas”.

Apesar da negativa, uma nova denúncia surgiu ontem quando uma funcionária contou ter levado botijão de gás da própria casa ao Ceinf do Lageado, para que não faltasse alimentos para as 147 crianças.

Por falta de gás, funcionária leva botijão da própria casa ao Ceinf do Lageado
Enquanto a secretária Municipal de Assistência Social, vereadora licenciada Thaís Helena (PT), desfruta de alguns dias de férias em Roma, na Itália, ...
Bernal diz que problemas em Ceinfs e escolas de Campo Grande são pontuais
Alunos com merenda reduzida a pão e água, falta de frutas e verduras, exagero em quantidade de produtos industrializados, mercadoria estragada e preç...


isso vai piorar é só esperar pra vcs verem
 
samuel vosni em 30/06/2013 11:32:40
Muita gente reclama da secretária estar na Europa, só que CEINF's não são apenas responsabilidade da SAS, mais em conjunto com a SEMED.
 
Rogerio Silva em 29/06/2013 15:36:45
Gente... Nem dá pra acreditar, pois votei no Bernal, se isso for verdade, eu vou ficar muito, mas muito triste... Minha neta de 2 e meio vai para a creche pela primeira vez na segunda dia 01/07/2013, se faltar alimento pra ela... Bom, nem vou dizer... Apenas que tenho 5 netos e nenhum deles vão pra creche, pois é muito difícil de se conseguir vaga, minha filha teve de entrar na justiça pra conseguir essa vaga, os outros tem uma babá que cobra R$ 350,00 por cabeça pra cuidar, agora você coloque na ponta do lápis, você ganha o salário mínimo, paga aluguel, luz, água... Só pra você saber, tenho três filhos, um garoto e duas meninas. As meninas, cada uma tem um filho e meu filho tem tri-gêmeos... Pensa na dificuldade!!!
 
Loíde Pereira da Silva em 29/06/2013 13:30:45
Isso doí muito de ler, a declaração do Sr. Prefeito Alcides Bernal, dizer que não tem falta de alimentos nos CEINF's.
Tenho uma filha que fica no CEINF do Nova Lima e sei que falta sim.
Acho que a manifestação as ruas não se resolveu nada mesmo nos CEINF's.
Vai continuar a mesma coisa!
E sempre as diretoras destas instituições vão encobrir a falta de alimentos.
Duvido se chegar de surpresa e ver o cardapio do DIA e ver o que estão servindo vai ser o que estão servindo.
Até quando vai ficar a impune este DÉSPOTA (Bernal).
Um PREFEITO que governa de forma arbitrária nossa CIDADE.
Escondendo a sujeira debaixo do tapete.
Mas uma hora ele vai tropeçar nesse tapete e sujeira vai aparecer.



 
Marcelo Carretoni em 27/06/2013 15:19:38
Seria trágico se não fosse cômico!!! essa mãe leva a própria alimentação para os filhos!!! e o então Alcides Bernal diz que não falta nada? então se não quer aparecer, porque dizer!!! já que o Alcides diz que podemos visitar as unidades dos ceinfs, sugiro que a reportagem vá até lá na hora do almoço, e já leva a policia, o promotor e o juiz do menor....para que não sejam impedidos de entrar, só então saberemos a atual situação e todas as mentiras desse sujeito...que se intitula prefeito...
 
Vitalina Margarida Pires Machado em 27/06/2013 15:09:11
Mas o Bernal falou que não está faltando nada, que tudo é armação para desgastar a sua imagem. Ou essa mãe está mentindo ou o prefeito está mentindo. O POVO QUER SABER. O meu apoio vai para a mãe.
 
Angela Dutra em 27/06/2013 15:06:29
O PIOR É QUE A RESPONSÁVEL ESTA NA EUROPA, QUE LINDO. FÉRIAS NÉ, TRABALHO MUITO ÁRDUO VER CRIANÇA PASSANDO FOME, CANSA. E O BERNAL? O QUE ACHA DISSO?
 
JUNIOR PEREIRA em 27/06/2013 14:25:14
AS PESSOAS EM PRIMEIRO LUGAR PESSOAL
 
Marcelo marinho em 27/06/2013 13:31:38
Alguém pode me passar o contato dessa mãe para que eu possa ajudá-la?!
 
Fabiola Navarro em 27/06/2013 13:29:42
a mesa do Bernal com certeza é farta, enquanto nossos pequeninos falta o básico. Isso sim é vandalismo.
 
Lucilene Ferreira em 27/06/2013 13:28:36
Esse é o prefeito de todos!! Todos ajudam a administrar nossa capital... Que vergonha...
 
Claudio Vieira em 27/06/2013 13:12:44
Essas pessoas devem ser bem elogiadas por que pensam em seus filhos e em outras crianças
onde já se viu seu filho chegar em casa você pergunta o que você comeu de lanche hoje?arroz feijão e carne.
Outro dia arroz feijão e carne
E ainda por cima compra com seu próprio dinheiro verduras e legumes para quase um Ceinf inteiro gasta muito
E os bebês comer só feijão eu iria denunciar
 
Leticia Dutra em 27/06/2013 13:08:48
Tá explicado então, a prefeitura afirma que não faltava alimento porque os próprios pais estão levando de casa. E agora sr. prefeito, qual será a desculpa?
 
Lizeti Aparecida Zanineli em 27/06/2013 12:32:52
E o Brenal?
 
Ygor Bueno em 27/06/2013 12:29:51
O prefeito diz que está tudo bem, tudo certo e que isso é armação dos "inimigos".
 
Carlos Henrique em 27/06/2013 12:27:24
Gente, cade o Ministério público e os Vereadores que não fiscalizam estas acusações. Se realmente isso está acontecendo a administração pública municipal deve ser responsabilizada, do contrário, se for mentira, a polícia tem que entrar em ação. Até quando persistirão reclamações e denúncias dessa natureza?
 
Marcos Batista em 27/06/2013 12:03:57
E A THAIS HELENA EM ROMA!!!
 
Keli Regina em 27/06/2013 12:03:17
Esses Ceinfs tem que tirar fotos e publicar na mídia, pois só assim esse prefeito toma jeito. Ou então o MP dá um jeito, porque assim não dá pra ficar. E Esses funcionários dos Ceinfs não podem ficar com medo de retalhação, porque se houver retalhação é porque é verdade que estava havendo todo esse descaso com os Ceinfs.
 
Maria Laves em 27/06/2013 11:56:16
10% do valor do café dos senhores vereadores daria para resolver uma boa parte dos problemas.
 
Alex André de Souza em 27/06/2013 11:29:42
Nossa isso é muito sério, diminui a passagem, e falta comida para as crianças da capital? Vê isso pra nós Bernal, isso é mais importante do que qualquer coisa, como que nós pais vamos trabalhar sabendo que nossos filhos estão passando fome.
 
WILLIAN DE LIMA NUNES em 27/06/2013 11:10:40
Quem é mais incompetente? Thais Helena que além de não resolver os problemas nos ceinfs e creches, ainda vai pra Roma ou o Bernal que além de não trabalhar só sabe culpar a administração passada e chorar no face. Essa é a mudança que Campo Grande elegeu. Pede par sair Bernal, um prefeito de verdade é que não tem medo de trabalhar. As pessoas em 2º lugar, não serve.
 
Patryck Andrade em 27/06/2013 10:26:13
Sou funcionária de um CEINF e realmente comprovo que hoje não está faltando verduras na unidade, as frutas e legumes chegam toda segunda- feira, mas esta situação só normalizou umas três semanas atrás, porque realmente não estava entregando nenhum tipo de hortifrut, era só arroz feijão e carne( de péssima qualidade). E não falta só hortifrut não, a falta é desde papel higiênico... Quanto perguntar aos pais sobre a falta de mercadorias nós funcionárias e também as diretoras somos obrigadas a falar aos pais que não está faltando nada. Não é mesmo sr. Bernal que faz capacitação de diretoras na SAS e aponta o dedo as diretoras e pergunta? Está faltando alguma coisa no seu CEINF? Vai a diretora falar que tá pra ver...
 
KARINA GOMES em 27/06/2013 09:56:14
Realmente, não há falta de alimentos nos Ceinfs da Capital, porque as mães estão levando esses alimentos. É o que se conclui da matéria.
 
Janaina Souza em 27/06/2013 09:50:56
Vejam a plantinha ruim aí de novo, as notícias não são boas e isso virou rotina, o tempo está passando o prejuízo vai ser maior senhores, taí um motivo para uma paralisação antes que isso chegue as grandes redes de comunicação. Essa planta já semeou, sabe onde tem uma semente fora do país, sim tem pessoas que não dão a mínima com os problemas internos e passou a bola para outra, é certo? surge um problema e tiramos férias? Isso é errado! Já que tiveram votos de confiança deveriam fazer juízo.
 
Arnaldo Cezar Dutra em 27/06/2013 09:45:02
Realmente é a mais pura realidade falta alimentos na maioria dos Ceinfs. Se você perguntar pra qualquer criança que fica nos Ceinfs, eles vão te falar que comem macarrão todos os dias. A merenda quando tem é de terceira, tudo ruim feijão velho, arroz que fica duro, só vendo, mas as diretoras não podem reclamar porque foram nomeadas esse ano lembram? Segundo o atual prefeito as outras eram incompetentes, e as diretoras atuais estão de mãos atadas sem poder fazer nada a não ser negar o ocorrido!!
 
Cilene de Paula em 27/06/2013 09:33:36
Claro que ninguém vai notar, a mãe ja foi no mercado comprar o que faltava no ceinf... Se eles forem vistoriar não vão encontrar nada de errado, óbvio, porque as mães não vão esperar a ajuda vinda de cima, para poderem fazer alguma coisa... Diferente dos nossos 'políticos'. Se eu tivesse condições, faria o mesmo que essas mães, apesar de não ter obrigação nenhuma...
 
Sarah Naara em 27/06/2013 09:29:02
Depois reclamam, quando o povo se enche de tanto descaso e farra com o dinheiro público, saem as ruas aí são chamados de baderneiros...
 
Ana Paula Ribas em 27/06/2013 09:25:16
Vergonha e nojo...esse é o meu sentimento em relação a esses senhores que deveriam estar tomando providências em relação a esta situação lamentável... Homens e mulheres que só estão lá porque o povo acreditou e depositou confiança de que trabalhariam em favor das crianças, educação, saúde ...etc. A começar pelo senhor Bernal, que insiste em dizer que isso não está acontecendo quando toda a população sabe que sim, insiste em dizer que a culpa não é dele, mas se esquece de que quem está no poder é ele e independente de quem tenha sido a culpa ele já teve tempo suficiente para resolver, se tivesse um pouco de responsabilidade, compromisso e respeito aos seus eleitores ele já teria resolvido, garanto que na casa dele e dos demais não falta uma verdurinha, saladinha...Né senhores.
 
Ana Paula Ribas em 27/06/2013 09:23:28
E agora! Quem está falando a verdade...
 
Maria Lina em 27/06/2013 09:22:42
É realmente uma vergonha a necessidade de ter que ser feita uma reportagem dessas, denunciando descaso com crianças e pais, claro que órgãos competentes não irão assumir suas culpas, sempre vão negar a situação, pais terem que tirar do própio bolso para alimentar o seu filho e de outros em uma unidade pública, nós que pagamos nossos impostos até para podermos respirar e esse dinheiro heim???!! cadê???

Responde aí órgãos "competentes"...que de competente não tem nada!!!!

Assumam seus erros, errar é HUMANO e fica muito mais bonito assumir e corrigí-lo do que sempre negar uma situação e não fazer nada para melhorá-la....
 
Mona Silva em 27/06/2013 09:10:07
Deve ser porque a mãe comprou verduras e legumes, que os fiscais disse que está tudo normal e a comida é adequada, né?
 
Simone Pereira em 27/06/2013 08:59:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions