A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

21/06/2012 12:18

Sesau investiga terceira morte por gripe suína em Campo Grande

Aline dos Santos

A professora Jane da Silva Figueiredo, de 48 anos, morreu na última segunda-feira

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) investiga um terceiro óbito por gripe A, conhecida como gripe suína, em Campo Grande. A professora Jane da Silva Figueiredo, de 48 anos, morreu na última segunda-feira na Santa Casa.

De acordo com a coordenadora de Vigilância Epidemiológica da Sesau, Erci Hirota, foi coletado material para exame da paciente. Neste ano, a gripe provocada pelo vírus H1N1 foi confirmada como a causa da morte de dois jovens na Capital.

Diretora da escola estadual Silvio de Oliveira dos Santos, ela deu entrada no Prontomed (parte da Santa Casa que atende planos de saúde e particular) no dia 31 de maio. Conforme a família, o primeiro diagnóstico, em outro hospital, havia sido virose. Porém, com muita dor nas costas e falta de ar, ela buscou atendimento na Santa Casa.

No início, as visitas eram permitidas somente com máscaras, uma medida de proteção em caso de gripe A, mas, depois, segundo familiares, um exame descartou a doença e o uso de máscara foi dispensado. A paciente tinha pneumonia, que pode ser uma das consequências da gripe.

No entanto, conforme um familiar, na sexta-feira foi diagnosticado, por meio de biópsia, câncer no pulmão. “Agora, a gente fica em dúvida sobre o que aconteceu de fato”, diz uma parente de Jane, que pediu para não ser identificada. A professora foi velada na última terça-feira no Jardim das Palmeiras.

Neste ano, a Sesau contabiliza 48 casos investigados de gripe A, sendo 12 confirmados e 21 descartados. A doença causou as mortes de André dos Santos Frois, de 27 anos, e Carlos Roberto Ramires, também de 27 anos.

A pandemia de gripe A foi registrada em 2009. Desde então, o Ministério da Saúde definiu público específico para receber a imunização todos os anos: idosos, crianças entre seis meses e menores de dois anos, gestantes, indígenas e trabalhadores em saúde.

MS registrou 52 notificações e duas mortes por gripe suína este ano
Mortes foram em Campo Grande. Além da Capital, Maracaju e Dourados notificaram casos.Mato Grosso do Sul registrou 52 notificações e duas mortes por ...
Campo Grande se aproxima de meta de 80% de imunização contra a gripe
A meta indicada pelo Ministério da Saúde de vacinar 80% das 118 mil pessoas tidas como público-alvo da vacinação contra a gripe está próxima de ser a...


É revoltante ver tal situação; vemos que o pessoal do C.G News, não se importa com a situação em que a família se encontra e faz de TUDO para conseguir algumas visualizações a mais em sua página, até mesmo divulgar informações (erradas por sinal) sem nenhuma autorização familiar... Falo com 'autoridade' pois é da minha MÃE que estão falando!
 
Leandro Augusto Figueiredo Vasconcelos em 22/06/2012 01:44:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions