A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

22/04/2016 07:17

Em dois dias de Operação Tiradentes, PRF registra duas mortes e 29 feridos

Viviane Oliveira
Duas pessoas foram flagradas dirigindo em alta velocidade. (Foto: divulgação/PRF)Duas pessoas foram flagradas dirigindo em alta velocidade. (Foto: divulgação/PRF)
Nas primeiras horas de quarta-feira, um homem morreu e outro ficou ferido em acidente de trânsito na BR-262. (Foto: Marcos Ermínio) Nas primeiras horas de quarta-feira, um homem morreu e outro ficou ferido em acidente de trânsito na BR-262. (Foto: Marcos Ermínio)

Duas pessoas morreram e 29 ficaram feridas nas rodovias federais de Mato Grosso do Sul. Os dados fazem parte do balanço parcial da Operação Tiradentes, que começou na quarta-feira (20) e vai até a meia-noite de domingo (24). Até agora, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) registrou 17 acidentes.

Ainda conforme a polícia, foram aplicados 672 testes do bafômetro, 2.579 autuações de trânsito e 2.252 autuações por radar. Na ocasião, dez pessoas foram presas por dirigir embriagadas e dois motoristas flagrados a 180 km/h. No trecho, a velocidade permitida é de 100 km/h. A multa para esse tipo de infração é de R$ 574 e suspensão da CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Acidentes - Na manhã de quarta-feira (20), Wesley Souza dos Santos, 24 anos, morreu após capotar a carreta que conduzia na BR-262, em Ribas do Rio Pardo, a 82 quilômetros de Campo Grande. O passageiro do veículo, Hernandes Nogueira da Silva, 26 anos, ficou preso nas ferragens, foi socorrido e encaminhado à Santa Casa.

Conforme testemunhas, a carreta, carregada com 35 toneladas de tora de eucalipto, seguia no sentido Ribas do Rio Pardo a Campo Grande. Outra carreta tentou ultrapassagem e, para abrir caminho a um veículo que vinha no sentido contrário, de Campo Grande a Rio Pardo, o condutor da bitrem “puxou” o veículo para o acostamento. Na manobra, a cabine capotou e a carga tombou, se espalhando pela pista.

No mesmo dia, por volta das 19h30, Otolendar Luiz Machado, 60 anos, morreu depois de capotagem na BR-060, em Paraíso das Águas, distante 304 quilômetros da Capital. A vítima ia buscar a esposa na rodoviária, quando perdeu o controle do carro em uma curva e capotou.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions