A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

28/06/2016 10:12

Estudante de 12 anos morre de complicações do vírus Influenza B

Renata Volpe Haddad
Menino de 12 anos morreu devido a complicações do vírus Influenza B, em Corumbá. (Foto: Alcides Neto)Menino de 12 anos morreu devido a complicações do vírus Influenza B, em Corumbá. (Foto: Alcides Neto)

Um estudante de 12 anos morreu de Influenza B em Corumbá, distante 419 km de Campo Grande no domingo (26). Este é o primeiro caso da doença registrada no município.

Segundo informações do site Diário Corumbaense, o menino foi atendido no pronto-socorro na segunda-feira passada (20), por volta das 23h, com quadro de vômito, dor de garganta e no tórax, mas não apresentava febre. Ele foi medicado e liberado.

Na terça-feira (21), a família retornou com o menino ao pronto-socorro às 18h30 e, desta vez, foi classificado como vermelho, quando o paciente está extremamente grave. Na noite do mesmo dia sofreu parada cardiorrespiratória, sendo internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva), onde permaneceu até domingo (26), quando faleceu.

O coordenador do pronto-socorro e UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Corumbá, Emerson Ferreira Moreira, afirmou que nem a médica nem a enfermeira que atenderam o garoto pela primeira vez suspeitaram do vírus, já que os sintomas apresentados não aparentavam ser da gripe Influenza.

“Na verdade nós vamos ter que rever os nossos conceitos em relação a essas doenças porque apesar de serem doenças benignas, mas que têm um alto poder de mutação, a interação do vírus com o indivíduo é que é o problema. Às vezes você pode inocular um Influenza B e não ter nada, já em outras pessoas pode evoluir e chegar ao óbito. O grande desafio do médico é tentar descobrir quais casos vão evoluir com essa gravidade e quais vão evoluir como normalmente, a criança passa dois ou três dias com febre e sai bem”, explicou.

No último fim de semana, foi coletado material de três pessoas com suspeita de Influenza e já são mais de 60 notificações da doença no município, de acordo com dados do último boletim epidemiológico do Estado.

Com relação à gripe Influenza, Corumbá já apresenta nove casos confirmados de H1N1 e agora o primeiro caso de Influenza B. Dos casos de H1N1 confirmados, dois foram a óbito.

Vacinação – Ainda há vacinas disponíveis em postos de saúde do município para imunização dos grupos prioritários, que são crianças, gestantes e idosos. Apenas 79,86% das pessoas que fazem parte deste grupo, foram vacinadas.

Mulher com suspeita de H1N1 respira com ajuda de aparelhos em UPA
Uma mulher de 30 anos está há quatro dias internada na área vermelha da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitária com suspeita de estar co...
Criança de 8 anos internada com H1N1 ainda não tem previsão de alta
A menina de 8 anos que estuda na escola municipal Consulesa Margarida Maksoud Trad, no bairro Estrela Dalva e que estava em estado grave por causa da...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions