A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 29 de Março de 2017

26/10/2012 18:30

Trabalhador é indiciado por incêndio em alojamento de Água Clara

Empresa e Polícia afirmam que apenas um funcionário foi o responsável pela destruição

Nadyenka Castro

O servente de pedreiro Ademar da Rosa, 28 anos, foi indiciado pelo crime de incêndio por ter colocado fogo em dois alojamentos de trabalhadores da obra da Usina São Domingos, em Água Clara, a 198 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com a Polícia, Ademar colocou fogo em dois alojamentos por volta das 2 horas desta sexta-feira. Um foi destruído por completo e outro parcialmente porque trabalhadores conseguiram controlar as chamas.

No local foram apreendidos 30 garrafas de aguardente, 16 barras de ferro, 32 facas e dois canivetes. Segundo a Polícia Civil, Ademar foi indiciado pelo crime de incêndio e irá responder em liberdade.

Segundo a Engevix, empresa responsável pela obra, o servente que colocou fogo é funcionário de uma subcontratada e o fato foi “ato isolado”.

Conforme a Engevix, devido à situação, os trabalhadores tiverem folga nesta sexta-feira e voltam às atividades amanhã.

Nenhum funcionário ficou ferido . O Grupo Engevix informa ainda que não há quaisquer atrasos ou falta de pagamento a funcionários ou subcontratados.

Trabalhadores de usina colocam fogo em 2 alojamentos em Água Clara
Trabalhadores da usina hidrelétrica São Domingos, em Água Clara, atearam fogo em dois alojamentos durante a madrugada desta sexta-feira. Segundo a Po...
Vigilante é investigado por estuprar menino de 11 anos na noite de Natal
Um vigilante de 41 anos está sendo investigado por estuprar um menino de 11 anos durante a noite de Natal em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions