A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Novembro de 2019

15/01/2019 19:36

Trio que matou e deixou corpo de rival amarrado é condenado a 44 anos

Sílvio Fortes, de 31 anos, foi levado até um matagal, ás margens da MS-430, onde foi executado com vários tiros. O trio ainda tentou arrancar a cabeça do corpo, mas não conseguiu, deixando-a pendurada junto ao cadáver

Adriano Fernandes
Da esquerda para direita, Jozimar, Claudio e John, no dia da prisão em 21 de agosto de 2017. (Foto:Idest/Reprodução) Da esquerda para direita, Jozimar, Claudio e John, no dia da prisão em 21 de agosto de 2017. (Foto:Idest/Reprodução)

Se somadas as três penas foram condenados a cerca de 44 anos de prisão, os três homens acusados de matar Sílvio Fortes, de 31 anos, cujo corpo foi encontrado um mês após seu desaparecimento em São Gabriel do Oeste, cidade que fica a 140 quilômetros de Campo Grande.

John Hélio da Silva Brito, de 24 anos, foi condenado a exatos 14 anos de prisão e Claúdio Antunes da Silva Júnior, 21, a 14 anos e três meses. Já um terceiro envolvido, Jozimar de Souza Pereira, 21 teve uma pena maior 16 anos, sete meses e 15 dias de reclusão, devido a uma condenação anterior.

O julgamento ocorreu na 1ª Vara da Comarca de São Gabriel do Oeste, cidade que fica a 140 quilômetros de Campo Grande. Conforme o site Idest, a sentença acompanhou a denúncia formulada pelo Ministério Público, através da promotora Isabelle Albuquerque dos Santos Rizzo.

A base para as penas foi calculada com base nas condenações pelo crime de homicídio duplamente qualificado por motivo torpe e recurso que tornou impossível a defesa do ofendido.

Crime – O crime aconteceu no dia 20 de julho de 2017 no município. O trio tinha uma rixa com a vítima e cometeram o crime, supostamente, por acreditar que ela estaria armando um atentado contra eles.

Os acusados armaram uma emboscada contra Sílvio chamando-o para conversar. Enquanto ele seguia para o encontro, ele foi abordado pelos suspeitos e forçado a entrar em um carro, onde foi agredido e teve mãos e pés amarrados.

A vítima foi levada até um matagal a aproximadamente nove quilômetros do perímetro urbano de São Gabriel, ás margens da MS-430, onde foi executada com vários tiros. O trio ainda tentou arrancar a cabeça do corpo, mas não conseguiu, deixando-a pendurada junto ao cadáver. A ação teria sido toda filmada e as armas teriam sido jogadas em um rio.

Claudio e John confessaram a participação no crime, enquanto Josimar negou envolvimento ao depor. O trio e já tinha passagem por crimes diversos, dois deles inclusive já teriam cumprido pena anteriormente.

Três são presos por executar rival a tiros e abandonar corpo em matagal
Três homens foram presos em São Gabriel do Oeste, a 140 quilômetros de Campo Grande, suspeitos de matar Sílvio Fortes, de 31 anos, cujo corpo foi enc...
Veículo desgovernado bate em motociclistas e invade casa no interior
O Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) atendem a um grave acidente envolvendo um veículo desgovernado, na noite desta...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions