A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

29/02/2008 10:40

Na nova Colônia Penal, presos vão trabalhar na lavoura

Redação

Na nova Colônia Penal Agrícola que será construída na região da Gameleira, saída para Sidrolândia, em Campo Grande, os presos irão trabalhar na lavoura. A ocupação dos detentos será possível graças a um convênio entre a Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) e a Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural).

Em uma rápida análise quando visitou a Gameleira, o engenheiro agrônomo e diretor da agência, José Alexandre Tranin disse que o local parece ser propício para plantação de hortaliças, milho e mandioca, além da criação de suínos e gado leiteiro. A Agraer analisa qual a melhor forma de aproveitar o solo.

A Sejusp irá fornecer todas as ferramentas e equipamentos para o funcionamento da iniciativa. A intenção é que a produção seja consumida no próprio estabelecimento prisional. Só haverá venda do excedente.

Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions