A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

15/12/2017 12:08

Obras em Dourados vão melhorar qualidade de vida e trânsito, diz secretário

Três avenidas da cidade passam por recapeamento e outras intervenções

Mayara Bueno
Equipes na obra de recuperação da Weimar Gonçalves Torres hoje de manhã. (Foto: Divulgação).Equipes na obra de recuperação da Weimar Gonçalves Torres hoje de manhã. (Foto: Divulgação).
Secretário de Infraestrutura, Marcelo Miglioli. (Foto: Paulo Francis).Secretário de Infraestrutura, Marcelo Miglioli. (Foto: Paulo Francis).

As obras de recapeamento de três avenidas de Dourados - distante 255 km de Campo Grande - vão trazer qualidade de vida e melhorar o fluxo do trânsito no local. A afirmação é do secretário de Infraestrutura de Mato Grosso do Sul, Marcelo Miglioli, ao Campo Grande News.

Estão sendo executadas revitalizações nas avenidas Marcelino Pires, Joaquim Teixeira e Weimar Torres, cujos investimentos somam R$ 22,4 milhões em recursos do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado do Mato Grosso do Sul).

Miglioli afirma que as obras estão ocorrendo normalmente nos três endereços. "Não é simplesmente recapeamento. Estamos fazendo partes de drenagem e os remendos necessários no asfalto. É uma revitalização completa das vias".

Para o secretário, quando terminarem, as intervenções vão proporcionar melhora na qualidade de vida dos moradores, além de melhorar o fluxo de trânsito e proporcionar segurança. 

As empresas continuam trabalhando até 20 de dezembro e devem retomar a partir de 8 de janeiro de 2018. "As contratadas estão fazendo tudo que nós combinamos".

Investimentos - A empreiteira Concrenavi Concreto Usinado, de Naviraí, venceu a licitação de R$ 11,3 milhões para recapear 7,4 km de extensão da Marcelino Pires, a maior obra das três.

Já a Planacon Construtora Ltda. vai receber R$ 3,3 milhões para recuperar 7,8 km de extensão da Joaquim Teixeira Alves. Na Weimar Torres serão gastos R$ 7,3 milhões. A NK Construtora Ltda. foi a vencedora. O governo estabeleceu prazos de 540, 180 e 240 dias das três vias. No entanto, a expectativa é tentar reduzir ao máximo o período de intervenção.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions