A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

08/03/2015 12:00

Boneco pescador reivindica conserto de vazamento no Nova Campo Grande

Raiza Calixto
O boneco segura uma placa com os dizeres:Novo pesqueiro Olarte, o que você foi fazer?(Foto:Direto das Ruas)O boneco segura uma placa com os dizeres:"Novo pesqueiro Olarte, o que você foi fazer?"(Foto:Direto das Ruas)

Cansados de conviver com vazamentos e ruas em péssimas condições, moradores do bairro Nova Campo Grande, decidiram protestar de maneira diferente. Eles fizeram um boneco de pescador e o colocaram em um dos grandes buracos que existem na Avenida 7, o objetivo é mostrar que o buraco é tão grande que daria para pescar lá.

O protesto foi feito após várias denúncias na Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura), sem solução. As fotos foram enviadas para o Campo Grande News através do WhatsApp.

Segundo o leitor que não quis se identificar, a avenida toda está comprometida. "Existem vários buracos grandes na rua e até pouco tempo não havia sinalização nenhuma. A que existe lá agora foram os moradores que colocaram, é muito descaso com a população.” desabafou o leitor.

Devido a falta de sinalização adequada, os motoristas e pedestres correm risco de sofrer algum acidente. "Essa é a principal avenida que dá acesso ao bairro, se para quem mora aqui já é complicado transitar imagina para quem não conhece e acaba descobrindo os buracos quando o veículo já está próximo de mais? Eu já presenciei vários casos onde quase aconteceram acidentes, porque para desviar dos buracos os veículos precisam invadir a contra mão”, reclamou.

O problema teve início em dezembro do ano passado, quando os moradores descobriram um cano furado, a princípio o problema não parecia ser grave, porém como dezembro foi um mês bastante chuvoso, o vazamento acabou se confundindo com a água parada da chuva.

Com o passar do tempo os moradores perceberam que a situação havia ficado permanente e a avenida passou a apresentar transtornos, segundo nossa leitora Athina do Amaral Alves que mora no bairro há cerca de três anos, ela já registrou denúncias tanto na Seintrha quanto na Águas Gariroba, na ocasião a concessionária de água informou que se tratava de uma mina de água e que por tanto a responsabilidade de solucionar o problema é da prefeitura.

Segundo a prefeitura, a região está no PAC de qualificação de Vias Urbanas na etapa 2, durante as obras de pavimentação, que ainda não estão licitadas, esse problema deverá ser solucionado com a implantação de drenagem.

Em situações como essa o indicado é realizar a denúncia na Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação) pelos telefones 3314-3675 ou 3314-3676.

Direto das Ruas - Pelo canal de interação entre a redação e o leitor, podem ser enviados flagrantes, sugestões de matérias, notícias, fotos, áudios e vídeos. Seja um colaborador via WhatsApp pelo número (67) 9687-7598.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions