A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

15/06/2019 11:35

Governo assina na terça "Decola MS", programa para ampliar voos regionais

Ângela Kempfer e Fernanda Palheta
Passageiros em embarque no Aeroporto de Campo Grande. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)Passageiros em embarque no Aeroporto de Campo Grande. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Na próxima terça-feira, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) assina o Programa Decola MS, com benefício fiscal para incentivar grandes companhias a investirem em voos regionais.

Via decreto, o governo reduzirá o ICMS do querosene de aviação, com queda entre 17% e 1,5%. “Dependendo do número de voos abertos pela empresa”, explica Reinaldo. “É uma perda de algo que nem temos. Então teremos ganho com quem passar a abastecer com querosene aqui”, completa.

Na avaliação do governador, o momento é ideal para esse tipo de medida. “Com a abertura da aviação brasileira para empresas internacionais, vamos viver um novo momento. Vamos ter novas empresas vindo e montando bases nos estados, para propiciar novos voos e com passagens mais baratas”.

A ideia é aumentar a frequência de voos já garantidos, rumo a Ponta Porã, Dourados, Bonito e Corumbá, e criar outra rotas ainda em estudo.

Para garantir estrutura, nesta semana o governador viabilizou em Brasília de R$ 116 milhões para as reformas dos aeroportos de Campo Grande, Dourados, Bonito e Coxim. “São recursos importantes que vão melhorar parte do modal aeroviário de Mato Grosso do Sul. Estamos construindo uma lógica para nosso sistema de transporte aéreo”, disse.

Em julho, devem começar as obras no Aeroporto Internacional de Campo Grande, com investimentos de R$ 55 milhões. O Aeroporto Regional de Dourados deve receber cerca de R$ 50 milhões entre recursos já garantidos e emendas do Orçamento da União.

Já o Aeroporto Regional de Bonito, que está passando por melhorias, tem R$ 7 milhões em recursos garantidos. Outros R$ 4 milhões serão destinados para obras na pista e no balizamento do Aeroporto Municipal de Coxim.

Além dos recursos assegurados, o governo ainda busca investimentos para aeroportos de Paranaíba, Chapadão, Porto Murtinho e Naviraí.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions