A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017

22/08/2017 14:43

Prefeitura apresenta projetos para concluir Belas Artes e outras obras

Osvaldo Júnior
Reforma de terminais está entre as obras previstas nos projetos (Foto: Divulgação)Reforma de terminais está entre as obras previstas nos projetos (Foto: Divulgação)

Na tentativa de retomar obras, estão paradas ou que não saíram do papel, a Prefeitura de Campo Grande vai apresentar projetos à Caixa Econômica Federal para efetivar operações de crédito de programas do governo federal. Os valores e outros detalhes serão divulgados na quinta-feira (dia 24), durante solenidade de entrega dos protocolos de intenção.

Entre as obras previstas nos projetos estão a do Centro Municipal de Belas Artes, o Centro de Arte e Esporte Unificado do Jardim Noroeste e do Jardim Parque do Sol e a reforma e construção de quatro Terminais de Transbordo, que estão paradas devido à falta de recursos.

A solenidade de entrega dos Protocolos de Intenção do Finisa (Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento) e CPAC (Programa de Financiamento de Contrapartidas do PAC), além da assinatura da parceria será nesta quinta-feira, às 10h, no gabinete do prefeito.

Outra frente de ação da prefeitura para retomada de obras será a realização de estudos relativos a PPPs (Parcerias Público Privadas). De acordo com a assessoria do município, a Caixa vai oferecer aporte técnico necessário para o processo de realização das PPPs.

A prefeitura pretende, com a assinatura dos protocolos de intenção, aderir a linhas do CPAC e Finisa. Os CPACs são destinados ao financiamento de contrapartida das obras e urbanizações dos Córregos Bálsamo, Segredo e Taquaral, e incluem duas etapas.

Na primeira etapa, referente a obras no Córrego Bálsamo, serão executadas obras de infraestrutura, de urbanização do parque, recuperação de áreas degradadas. Na mesma região, serão feitas obras de infraestrutura para unidades habitacionais do PMCMV (Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV), com recursos do Fundo de Arrendamento

Na etapa dois, relativa ao Segredo e Taquaral, estão previstas obras de infraestrutura para unidades habitacionais do PMCMV), com verba do FAR (Fundo de Arrendamento Residencial. Também deverão ser construídos um centro comunitário, um centro de triagem de recicláveis e quatro quadras poliesportivas. No Taquaral, serão feitas obras de infraestrutura, recuperação de áreas degradadas; e urbanização de assentamentos precários e habitações.

Quanto aos projetos da Finisa, estão previstas, entre outras obras, a conclusão do CEU (Centro de Arte e Esporte Unificado) do Jardim Noroeste e o CEU do Jardim Parque do Sol, bem como sua infraestrutura do entorno.

A conclusão do Centro Municipal de Belas Artes também está incluída entre os projetos da Finisa. Além disso, estão previstos: a construção, reforma e construção de quatro terminais (Cafezais, São Francisco, Tiradentes e Morenão); o recapeamento de ruas e avenidas; e a requalificação da avenida Bom Pastor.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions