A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Setembro de 2017

02/08/2017 16:05

Sefaz inicia investigação de entrada ilegal de gasolina boliviana em MS

Osvaldo Júnior

A Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda) já está investigando a entrada ilegal de combustível da Bolívia, conforme informou a assessoria de imprensa do governo estadual. Ontem, o Sinpetro-MS (Sindicato Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes de MS) protocolou ofício pedindo a investigação.

Áudio anônimo circula nas redes sociais, com denúncia da prática. No áudio, o denunciante, que também seria um caminheiro, afirma ter visto em um posto, em Miranda, um caminhão tanque da Bolívia. Ele teria perguntado ao condutor desse veículo se estaria transportando gasolina de Senador Canedo (GO) ao país vizinho, o que é permitido.

O caminhoneiro boliviano, que seria de Puerto Quijarro, contou que descarregara a gasolina em Campo Grande e estaria retornando a seu país apenas “pra trocar nota”.

O gerente executivo do Sinpetro-MS, Edson Lazaroto, informou que o sindicato encaminhou ontem ao superintendente de Administração Tributária da Sefaz, Lauri Luiz Kener, ofício solicitando investigação sobre o caso.

A assessoria do governo afirmou que a apuração já está em andamento. “A Sefaz já iniciou o processo de investigação da eventual entrada ilegal de combustível da Bolívia para abastecer posto de Campo Grande”, disse a assessoria. Não há detalhes, por ora, sobre a operação.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions