ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 23º

Educação e Tecnologia

Em semana de protestos, prova do "Passe" da UFMS é considerada fácil

Pré-vestibulandos afirmam que acertaram mais da metade da prova e acharam questões mal formuladas

Por Gabriela Couto e Alison Silva | 10/12/2023 12:12
Alunos enfileirados fazendo prova do PASSE (Programa de Avaliação Seriada Seletiva), neste domingo (10) (Foto: Alíria Aristides)
Alunos enfileirados fazendo prova do PASSE (Programa de Avaliação Seriada Seletiva), neste domingo (10) (Foto: Alíria Aristides)

Depois de uma semana marcada pelo protesto de estudantes contra a qualidade das provas da Fapac (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura), os pré-vestibulandos que participaram do Passe (Programa de Avaliação Seriada Seletiva), da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) deste domingo (10) que tem a mesma organizadora do certame saíram satisfeitos.

Dentre os mais de 13,5 mil candidatos, estava Débora Pereira de 16 anos. Ela não achou a prova difícil e assegurou que os assuntos tratados estavam dentro do estabelecido no edital, o que era uma reclamação dos manifestantes que ocuparam a Câmara Municipal nesta semana.

“O edital cumpriu bastante com o que estava proposto. Acho que acertei umas 45 questões. A divisão das provas por etapa é muito boa porque facilita, faz com que o aluno esteja mais atualizado. Para uma prova nível vestibular estava bem estruturada, o conteúdo de matemática estava bem diferente, estava mais fácil do que esperava”, pontuou.

Pré-vestibulanda fazendo contas na parte de exatas da prova do PASSE (Foto: Alíria Aristides)
Pré-vestibulanda fazendo contas na parte de exatas da prova do PASSE (Foto: Alíria Aristides)

Em todas as fases, a prova é composta por 60 questões de múltipla escolha. Somente no último ano, os candidatos realizam a redação e optam pelo curso desejado. Neste ano, a redação teve como tema A exclusão do idoso no/do mundo digital.

“A prova em si foi super tranquila, realmente tinha o conteúdo que a gente aprende no terceiro ano, seguiram bem o conteúdo. Mas o tema da redação foi bem surpreendente, não era isso que eu estava esperando. Mas mesmo assim, achei tranquilo de elaborar”, relata a candidata Maria Fernanda Moura.

O estudante Arthur Daniel, 16 anos também acha que se saiu bem. “Pretendo entrar nos cursos de ciência da computação. Senti uma dificuldade na formulação de perguntas de história e física. Não vi erros, mas senti que poderia ser melhor elaboradas”.

Estudante segurando prova elaborada pela FAPEC para processo seletivo da UFMS (Foto: Alison Silva)
Estudante segurando prova elaborada pela FAPEC para processo seletivo da UFMS (Foto: Alison Silva)

Já para Adriane de Fátima, 15 anos que veio de fora da Capital para fazer a prova hoje a prova estava ‘bem fácil’. “Acho que a escolha do Passe é mais uma oportunidade de entrar na universidade. Formato muto interessante e pretendo cursar medicina veterinária. Acredito que fui bem em exatas. Acho que acertei umas 30 questões hoje. Para os próximos anos eu tenho que melhorar”.

Quem também estava otimista era Arthur Francisco, 17 anos. “Acho que fui bem. Primeira vez que fiz o passe. Mais simples que o Enem. O Passe são menos questões. Hoje tivemos coordenadas geográficas, fuso horário, questões sobre a constituição. Das 60 questões de hoje acredito que acertei umas 30 questões. Tenho que melhorar, pior que não estudei”.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias