A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 13 de Novembro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


15/12/2015 06:00

Agora, só falta a posse dos novos vereadores

Edivaldo Bitencourt

Reviravolta – A recontagem dos votos causou uma reviravolta na Câmara Municipal. A ex-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Juliana Zorzo, que era dada como certa com a cassação, não ganhou a vaga de vereadora. Ela, na verdade, perdeu a suplência com a anulação dos votos.

Meu papel – A posse dos novos vereadores – Lívio Viana (PSDB) e Roberto Durães (PT) – vai depender do presidente da Câmara Municipal, João Rocha (PSDB). A Justiça Eleitoral apenas deu seguimento à decisão do TSE, que referendou a cassação de Thais Helena (PT), Paulo Pedra (PDT) e Delei Pinheiro (PSD).

Despedida – Outro que deve deixar o cargo é o secretário municipal de Governo, Paulo Pedra. Com o andamento do processo de cassação, Alcides Bernal (PP) já adiantou que não tem como mantê-lo no cargo, mesmo com recurso.

Sem refresco – Apesar do fracasso da manifestação pelo impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff (PT), os manifestantes não prometem dar trégua aos deputados federais. Eles prometem fazer plantão no aeroporto às quintas-férias para fazer protesto a favor do afastamento da petista.

ApoioAlcides Bernal foi a Brasília (DF) para participar do encontro de prefeitos de capitais com a presidente da República, Dilma Rousseff. Bernal e outros 14 prefeitos foram manifestar apoio a petista e entregar um manifesto contra o impeahcment, que consideram “golpe”.

Não gostei – Durante evento, na manhã de ontem no Senac, o presidente da Fundação de Turismo, Nelson Cintra, deixou claro que não gostou da mudança de local. Ele fez questão de deixar claro que não aprovou a mudança para a Avenida Fernando Corrêa da Costa.

Novos planos – Cintra, que já foi prefeito de Porto Murtinho, também sinalizou que poderá voltar a disputar o cargo em 2016. Para bom entendedor na platéia, ele deve disputar a sucessão de Heitor Miranda dos Santos (PT) e deixar o comando da Fundtur.

Boatos – O mais novo boato na praça é de que Bernal fabricou a Operação Coffee Break. Ex-assessor andou distribuindo áudio de depoimento, em que acusa o prefeito de ter lhe tomado assinatura para ingressar com ação na Justiça.

Afoitos – Os mais afoitos foram divulgando o depoimento como reviravolta na investigação. Só faltou explicar que o Gaeco começou a investigar a cassação de Bernal após a Operação Lama Asfáltica, da Polícia Federal, que gravou conversas entre os supostos articuladores da cassação.

Bumlai – A prisão de José Carlos Bumlai levou mais dois parentes do pecuarista para o rol dos acusados na Operação Lama Asfáltica. Ontem, o MPF denunciou o filho, Maurício Bumlai, e a nora, Cristiane Dodero Bumlai, pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e gestão fraudulenta.

(colaborou Michel Faustino e Angela Kempfer)

Novos deputados prestigiam Reinaldo
Aproximação – A assinatura de contratos para a construção de casas populares em Paranaíba e Chapadão do Sul, realizada ontem na Governadoria, contou ...
Eleitos para Assembleia contaram com "ajudinha" de cima
Suporte – Prestações de contas finais de eleitos em 7 de outubro para a Assembleia Legislativa mostram a importância dos concorrentes à bancada feder...
A ministra Tereza Cristina e os planos futuros
Ideias – A futura ministra da Agricultura, a deputada federal por MS Tereza Cristina deu entrevista ontem em Campo Grande e falou de vários aspectos ...
Sem votar, senadores de MS reprovam aumento do STF
Contra – Os três senadores de Mato Grosso do Sul não votaram na sessão que autorizou aumento para os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) e se...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions