A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


05/01/2013 06:00

Medo da chuva

No seu quarto dia na administração municipal, o prefeito já lida com as chuvas que tanto atormentaram as administrações de Nelson Trad Filho. Ontem, chegou a programar uma visita aos locais atingidos na quinta-feira, mas, segundo definiu sua assessoria, a andança não foi produtiva. O motivo: voltou a chover.

Desatualizado
Pelo menos no site da Prefeitura de Campo Grande, nada mudou na administração municipal. O perfil que aparece ainda é o do ex-prefeito Nelson Trad Filho, assim como a lista de secretários ainda é a da administração que terminou em 31 de dezembro.

Imagem
A preocupação da equipe de Bernal foi em mudar a "cara" do portal da Prefeitura. A marca usada na administração de Nelsinho Trad foi substituída pelo brasão de Campo Grande e o laranja predominante antes agora foi trocado pelo azul.

Devagar
Na parte de divulgação de notícias da administração municipal, outra diferença no portal. A média de notícias, que antes passava de 10, não chega à metade nos primeiros dias de Bernal como prefeito.

Urucubaca?
Em dois dias em que os jornalistas acompanham de perto os passos do prefeito Alcides Bernal, dois deles já tiveram dissabores nos lugares onde ele estava. Na quarta-feira, um repórter fotográfico caiu de um degrau quando seguia o prefeito. Ontem, uma jornalista sentou em um banco, na Prefeitura, e o móvel se quebrou. 

Ajudinha
No primeiro caso, o repórter estava tão perto do prefeito que recebeu a ajuda dele para se reequilibrar. No segundo, estavam só os jornalistas aguardando uma entrevista de Bernal.

Revolta virtual
Mais uma vez um programa de tv provocou a ira dos internautas, ao errar o nome de Mato Grosso do Sul. Na novela "Guerra dos Sexos", da Globo, um personagem disse, ao se referir a uma moça que é de Campo Grande, que a cidade fica no "Mato Grosso". Na sequência, começaram as reclamações nas redes sociais, como toda vez que o erro é repetido. Teve gente que pregou campanha contra a novela e outros que sugeriram aulas de Geografia para os roteiristas da atração. 

Estereótipo
Além do erro geográfico costumeiro, a forma como é retratada a personagem que é de Campo Grande também incomodou internautas. É uma moça durona, daquelas "de interior", com um figurino recatado, quase antiquado.

Deficiência
Mais gente está viajando de avião, mas as empresas não evoluíram na mesma medida. Exemplo disso foi contado à coluna por um leitor, que estava um vôo de São Paulo para Campo Grande no primeiro dia do ano. O vôo atrasou pelo simples motivo de falta de pessoal para fazer o embarque das bagagens.

Mancada
Ao descrever o discurso de posse do prefeito Alcides Bernal e suas reclamações sobre finanças, o jornal Valor Econômico errou feio. O texto do jornal afirma que o orçamento de Campo Grande para 2013 é de R$ 243 milhões. Na verdade, esse é o montante que o ex-prefeito Nelsinho Trad (PMDB), deixou em caixa. O orçamento do ano é dez vezes maior que isso, R$ 2,7 bi.

  

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions