ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 16º

Arquitetura

Morada dos Baís precisa lidar com cupins e infiltração para reabrir

Após a Sectur garantir que a construção voltará a ser um centro cultural, Sisep explica o que há de errado

Por Aletheya Alves | 17/04/2024 07:26
Morada dos Baís está de portas fechadas há três anos. (Foto: Arquivo/Alex Machado)
Morada dos Baís está de portas fechadas há três anos. (Foto: Arquivo/Alex Machado)

Um mês após a responsável pela Sectur (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo), Mara Bethânia, anunciar que a Morada dos Baís voltará a funcionar como um centro cultural, a previsão é de que o edifício seja liberado ainda no primeiro semestre deste ano. Nas mãos da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), a informação é de que cupins, infiltração e sistema elétrico são os pontos que impedem a reabertura imediata.

Responsável pela Sisep, Marcelo Miglioli explica que realizou uma vida técnica para vistoriar todo o espaço e, apesar da necessidade de manutenção, o cenário é positivo. “Havia uma preocupação porque eu não conhecia o prédio nesse sentido, mas após verificarmos, vimos que são coisas bastante pontuais”.

Caso o cenário fosse mais complicado, a expectativa de liberar o edifício para reabrir ainda no primeiro semestre não existiria. Isso porque, conforme o secretário, a Sisep tentará usar equipe própria para realizar a reforma, sem necessidade de licitação.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

O primeiro ponto é que o cupim comeu um dos pilares de madeira, então vamos precisar fazer uma troca parcial desse pilar por uma questão de segurança. Além disso, temos algumas infiltrações no telhado e, pelo o que vimos, são telhas de cerâmica que estão quebradas, relata Miglioli.

Apesar de algumas peças estarem quebradas, o secretário explica que, de forma geral, a estrutura do telhado está intacta. Por isso, será necessária apenas uma revisão dos itens que estão com danos e verificar se a infiltração será interrompida.

Por último, a parte elétrica também deverá passar por uma manutenção geral, assim como alguns tablados de piso. No caso do piso, os cupins também prejudicaram algumas peças.

“Vamos fazer um trabalho de cupinicida, mas não é algo muito grande. São coisas simples, pontuais e que, por isso, provavelmente a gente consegue resolver com equipe própria para retomar as atividades”, diz o secretário.

Acervo de Lídia Baís deverá retornar ao espaço cultural. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Acervo de Lídia Baís deverá retornar ao espaço cultural. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Morada dos Baís tinha estrutura para receber shows e apresentações culturais. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Morada dos Baís tinha estrutura para receber shows e apresentações culturais. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Em 2023, o Ministério Público já havia cobrado a revitalização. Entre os pontos destacados estavam o conserto de danos estruturais, adequação das instalações elétricas, correção de vazamento de água, reparo da instabilidade estrutural e substituição de telhas quebradas.

Ao todo, a Morada dos Baís já está fechada há três anos. Desde que o Sesc devolveu o prédio à Prefeitura e encerrou suas atividades na unidade, apenas parte do espaço vem sendo utilizado.

Enquanto a Casa do Artesão passava por reformas, os vendedores levaram parte de seus produtos para a extensão do prédio. Hoje, outros artesãos também estão usando o espaço para o mesmo fim.

Além disso, as galerias da parte externa também estão sendo utilizadas por artesãos, segundo a Sectur.

Em relação à reabertura, Mara Bethânia havia dito ao Lado B que além do acervo de Lídia Baís, outras atividades deverão ser incluídas no prédio, assim como novos espaços.

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias